Fichamento da origem da familia, da propriedade privada e do estado

4011 palavras 17 páginas
UFRB
Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Centro de Artes, Humanidades e Letras – CAHL

FICHAMENTO

Cachoeira - Ba
Setembro-2010
Luana Gabriela Souza de Almeida

FICHAMENTO
A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado

Atividade solicitada pela disciplina História Econômica Geral do curso de graduação em Ciências Sociais, 2º semestre orientada pela docente Rita Almico.

Cachoeira - Ba
Setembro-2010
A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado

1. Estado selvagem • Fase inferior – O homem vivia parcialmente nas árvores. Alimentavam-se de frutos e raízes e o principal progresso desse período foi à formação da linguagem articulada. • Fase média – Alimentavam-se com peixe e faziam uso do fogo. Tornaram-se independentes do clima e da localidade, difundindo-se por toda terra. Os instrumentos paleolíticos se encontravam espalhados por todos continentes, o que caracteriza uma forma de migração existente. Com a caça foram inventadas as primeiras armas – a clava e a lança. Parece ter nascido nessa época a antropofagia. • Fase superior – Invenção do arco e da flecha. A caça é uma atividade costumeira. Indícios de residências fixas. Habilidade na produção de meios de subsistência. Não havia o conhecimento da cerâmica. O arco e a flecha foram para a época selvagem

Relacionados

  • Fichamento do texto: “a política agrária no brasil” de fábio konder comparato
    1809 palavras | 8 páginas
  • Cap 18 FILOSOFIA
    3281 palavras | 14 páginas
  • O homem estatístivo
    4165 palavras | 17 páginas
  • Fichamento - curso elementar de direito romano
    7479 palavras | 30 páginas
  • Fichamento: evolucionismo cultural textos de morgan , tylor e frazer organização celso castro
    3215 palavras | 13 páginas
  • Modelos de pre projeto de monografia
    6719 palavras | 27 páginas
  • Fichamento - Dos Delitos e das Penas.
    3719 palavras | 15 páginas
  • Movimentos sociais
    4327 palavras | 18 páginas
  • Fichamento da obra: fundamentos de história do direito antonio carlos wolkmer
    11263 palavras | 46 páginas