Fichamento do livro direito penal do equilíbrio - rogerio greco

3402 palavras 14 páginas
FICHAMENTO DO LIVRO
DIREITO PENAL DO EQUILÍBRIO – ROGÉRIO GRECO

INTRODUÇÃO
A discussão possui uma aplicação prática indiscutível.
A obra é baseada no Direito Penal Mínimo (teoria garantista de Luigi Ferrajoli), com os direitos fundamentais consagrados e os tratados e convenções internacionais quanto aos direitos humanos. O Direito Penal do Equilíbrio está entre o Direito Penal Máximo (Lei e Ordem, e tese abolicionista de Louk Hulsman.

CAPÍTULO 2
ABOLICIONISMO, DIREITO PENAL MÍNIMO E MOVIMENTO DE LEI E ORDEM
O discurso penal agrada à sociedade, pois ela deposita esperanças. A mídia se encarrega de mostrar casos terríveis para convencer a sociedade quanto à necessidade de um Direito Penal mais severo. Isso gera pontos na audiência, transformando a imprensa em um show de horrores, mas apreciado diariamente pela sociedade.
A missão da obra é distinguir brevemente os atuais discursos penais, para que, no final, possamos optar, racionalmente, por um deles.

2.1 – O ABOLICIONISMO
O Direito Penal é o ordenamento jurídico com seu ramo mais destacado e o mais importante.
O Direito Constitucional é o tronco do ordenamento, e não um tronco, pois é uma fonte. O
Direito Penal é o ramo que mais necessita de atenção do Estado.
Movimento Abolicionista -> Fillipo Gramática – Final da 2ª Guerra.
Nilo Batista, Zaffaroni, Alagia e Slokar -> O abolicionismo é um movimento do norte da Europa e se espalhou pela América Latina, Canadá e EUA.
Parte da deslegitimação do

Relacionados

  • DIREITO PENAL DO EQUILIBRIO FICHAMENTO
    5414 palavras | 22 páginas
  • fichamento misérias do processo penal
    1905 palavras | 8 páginas
  • Resumo do Livro Direito Penal 1 CLEBER MASSON
    4273 palavras | 18 páginas
  • Direito penal do inimigo
    4023 palavras | 17 páginas
  • Fichamento Expansao Do Direito Penal
    6147 palavras | 25 páginas
  • fichamento da X parte do livro filosofia do direito
    1427 palavras | 6 páginas
  • DIREITO PENAL DO AUTOR
    4988 palavras | 21 páginas
  • DIREITO PENAL DO CIDADÃO X DIREITO PENAL DO INIMIGO
    4071 palavras | 17 páginas