Fichamento história geral da áfrica, ii: áfrica antiga

6353 palavras 26 páginas
História Geral da África, II: África Antiga / editado por Gamal Mokhtar. – 2.ed. rev. – Brasília : UNESCO, 2010. p. 213 a 295.
“Um breve exame do mapa físico da África basta para mostrar a importância da Núbia como elo entre a África central – a dos Grandes Lagos e da bacia do Congo – e o mundo mediterrânico. O vale do Nilo, que em sua maior parte corre paralelo ao mar Vermelho, em direção ao “corredor” núbio, entre o Saara, a oeste, e o deserto arábico ou núbio, a leste, permitiu um contato direto entre as antigas civilizações do Mediterrâneo e as da África negra.” (cap. 8, p. 213)

“[...] os extensos pântanos de el-Sudd, embora não sejam intransitáveis, também não facilitam as trocas culturais ou econômicas.” (cap. 8, p. 213)
…exibir mais conteúdo…

Impelido pelas exigências da irrigação, o Egito, por sua vez, desenvolveu gradualmente um tipo de organização monárquica altamente centralizada, visto que uma autoridade central forte era o único meio de compelir a população, quando necessário, a executar os serviços coletivos indispensáveis para tornar cultivável todo o baixo vale do Nilo: [...]” (cap. 8, p. 221)

“A partir do final do III milênio, o conhecimento dessas relações fundamenta-se exclusivamente em fontes egípcias. As fontes literárias oferecem uma visão mutilada da realidade, tendendo a mencionar apenas as expedições militares; por sua vez, as evidencias arqueológicas – exceto para a Baixa Núbia – são bastante incompletas, limitando-se a artefatos núbios encontrados no Egito ou, no melhor dos casos, a objetos egípcios descobertos em sítios núbios entre Assua e a Segunda Catarata.” (cap. 8, p. 222)

“Por volta de -3200, durante a I dinastia, os egípcios já conheciam os país o suficiente para aventurar-se a enviar um corpo de tropas ate o inicio da Segunda Catarata. Podemos supor as razoes de uma tal expedição. Primeiramente, a necessidade de encontrar matérias-primas que estivessem faltando ou escasseando no Egito, especialmente a madeira. Uma segunda razão importante para a intervenção do exercito egípcio na Núbia seria o desejo de manter livre a passagem para o sul: incenso, goma, marfim, ébano e panteras não provinham da

Relacionados