Fins trágicos na literatura

2357 palavras 10 páginas
UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAIBA CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES DEPARTAMENTO DE LETRAS CLÁSSICAS E VERNÁCULAS DISCIPLINA: LITERATURA PORTUGUESA I

ALUNA: PAULA ROBERTA QUEIROZ VELOSO

FINS TRÁGICOS NA LITERATURA

RESUMO:

A literatura está composta por inúmeras narrativas com finais trágicas, principalmente na Idade medieval, mas quem disse que obrigatoriamente os fins devem ser felizes? Muitas vezes o autor procura tirar o foco do leitor de algo premeditado para algo emocionante, inesperado, proporcionando ao leitor expectativas, de tal forma, que seja difícil desprendê-lo da leitura. Exemplo desses fins trágicos está no romance Romeu e Julieta, a história trágica do amor de dois jovens, é o título de
…exibir mais conteúdo…
DESENVOLVIMENTO:

Os romances da Idade Média chamam a atenção pelo fato de possuírem fins trágicos, entre as narrativas mais famosas temos os romances de Romeu e Julieta, Antônio e Cleópatra e Otelo são peças consideradas como romances trágicos. Elas se diferem das outras no sentido de que os amantes dessas não são condenados por si, mas pelo mundo de fora. Nestas tragédias, a morte é quase uma espécie de consumação do amor -- como se o amor não pudesse ter sucesso em ambientes trágicos.

O romance é construído em várias páginas escritas sobre a influencia de expectativas possivelmente geradas no leitor, e que essas expectativas aumentam de forma positivo a leitura de sua narrativa, pois uma narrativa com final feliz tende a ser pré meditada a cenas ficam monótonas por serem feitas com seqüências lógicas. Um dos exemplos citados: Romeu e Julieta, a história trágica do amor de dois jovens, é o título de uma tragédia de Shakespeare (1597), uma obra imortal da literatura, que começa da seguinte forma: "Duas famílias notáveis da linda Verona, onde a história se passa, transformam em guerra as desavenças antigas, manchando de sangue as suas mãos. E do seio destas duas famílias inimigas nascem dois amantes predestinados". Comparando-o com o romance de: Tristão e Isolda é uma narrativa sobre o trágico amor entre o

Relacionados

  • Resumo estética da arte de ariano suassuna
    10012 palavras | 41 páginas
  • O teatro no renascimento
    992 palavras | 4 páginas
  • O POEMA NARRATIVO INFANTO-JUVENIL BRASILEIRO: APONTAMENTOS PRELIMINARES
    5098 palavras | 21 páginas
  • Literatura de são tomé e princípe
    2646 palavras | 11 páginas
  • Trabalho de português instrumental ii
    1291 palavras | 6 páginas
  • Trabalho sobre o livro "madame bovary"
    8870 palavras | 36 páginas
  • Elementos fundamentais da cultura portuguesa
    7681 palavras | 31 páginas
  • Os maias analise
    8800 palavras | 36 páginas
  • Resumo fotojornalismo
    5510 palavras | 23 páginas
  • O mito e a paidéia
    3965 palavras | 16 páginas