Frederick Taylor, Henri Fayol, Henry Ford

909 palavras 4 páginas
Trabalho
De
Administração

Nome: Roberta Silva Audi
Turma: tq5-69

Sumário
Introdução……………………………………….2
Frederick Taylor………………………………..2
Henri Fayol……………………………………2-3
Henry Ford………………………………………3
Conclusão……………………………………......4
Bibliografia………………………………………5

Introdução

Frederick Taylor
Frederick Winslow Taylor foi um engenheiro norte-americano que criou a Administração Científica, em 1911, revolucionando o sistema produtivo no começo do século XX e criando a base sobre a qual se desenvolveu a atual Teoria Geral da Administração. Ele nasceu em 20 de março de 1856, em Germantown, no Estado da Pensilvânia, EUA. Frederick Taylor fez de tudo para adequar seus pensamentos às necessidades de seus clientes e a cada situação
…exibir mais conteúdo…
Essa Teoria, na realidade, identifica como as organizações são estruturadas. Na clássica teoria, o autor revelou que existe uma ligação entre estratégia e teoria empresarial e, nesse sentido, é imprescindível que haja o aprofundamento da gestão e o líder deve aprender a cultivar as qualidades necessárias. Henri Fayol também defendeu que era possível aplicar os princípios da teoria em qualquer tipo de empresa, ou seja, comercial, industrial, religiosa ou governamental. Faleceu em Paris, 19 de novembro de 1925.
Henry Ford
Henry Ford foi um importante engenheiro americano. Nasceu em 30 de julho de 1863, na cidade norte-americana de Springwells. Ford é considerado o primeiro a implantar um sistema de produção em série. O engenheiro americano notou que era muito mais barato e rápido produzir um modelo de automóvel padronizado. De acordo com o sistema fordiano de produção (também conhecido como fordismo), o automóvel passava por uma esteira de montagem em movimento e os operários colocavam as peças. Logo, cada operário deveria cumprir uma função específica. Desta forma, existiam operários para determinadas funções (pintura, colocar pneus, direção, motor, etc). Neste sistema, um automóvel era montado em apenas 98 minutos. As mudanças introduzidas por Ford visavam à produção em série de um produto (o Ford modelo T) para o consumo em massa. Ele estabeleceu a jornada de oito horas, por 5 dólares ao dia, o que, na época, significava renda e tempo de lazer suficiente para o

Relacionados

  • Contabilidade: ford, fayol e taylor
    2275 palavras | 10 páginas
  • slide
    1664 palavras | 7 páginas
  • Administração
    2914 palavras | 12 páginas
  • A APLICABILIDADE DOS PRINCIPIOS DE HENRY FAYOL NA ADMINISTRAÇÃO CONTEMPORÂNEA; ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA E CLÁSSICA: a visão dos homens que construíram a base da gestão organizacional moderna.
    1653 palavras | 7 páginas
  • A escola classica
    2031 palavras | 9 páginas
  • Teorias de taylor, ford, fayol e weber
    2129 palavras | 9 páginas
  • Teoria classica da administração
    2716 palavras | 11 páginas
  • Diferença entre fayol,taylor e ford
    894 palavras | 4 páginas
  • Resumo - teorias administrativas
    975 palavras | 4 páginas
  • Escola Clássica da ADM
    2285 palavras | 10 páginas