Gerontofobia

1280 palavras 6 páginas
CENTRO UNIVERSITÁRIO GERALDO DI BIASE
INSTITUTO DE CIENCIAS EXTAS, DA TERRA E ENGENHARIAS
ENGENHARIA CIVIL

GERASCOFOBIA E GERONTOFOBIA

Allana Halfeld Alves Fernandes
Carlos Wellington Dias Ferreira
Carolina da Cruz Marques
Joílson Vitor Teixeira Rodrigues
Rhayan de Almeida Cabral
Stephenson Vianna Muniz
Wellington Alonso de Paula Cerqueira

Barra do Piraí / RJ
2014
CENTRO UNIVERSITÁRIO GERALDO DI BIASE
INSTITUTO DE CIENCIAS EXTAS, DA TERRA E ENGENHARIAS
ENGENHARIA CIVIL

GERASCOFOBIA E GERONTOFOBIA

Trabalho elaborado pelos alunos: Allana Halfeld, Carlos Wellington, Carolina Marques, Joílson Vitor, Rhayan Cabral, Stephenson Muniz e Wellington Alonso, apresentado ao curso de Engenharia Civil, como avaliação do 1º Bimestre, sob orientação do Professor Cleber Vicente Gonçalves.

Barra do Piraí / RJ
2014

1. INTRODUÇÃO

Aproximadamente aos vinte anos de idade, o homem se torna adulto, durante mais trinta anos, acumula conhecimentos e experiências. Então começa a envelhecer e enfraquecer, por fim ele morre. A vida é tão natural como a morte e a velhice, pois é uma inevitável parte do ciclo da vida. Resistir à passagem do tempo é um esforço inútil e perigoso para o nosso bem-estar.

A maior parte das pessoas, realmente não desejam envelhecer, desejam sim a experiência e a sabedoria que podem advir de se viver muitos anos, mas não desejas as grandes limitações que a velhice pode

Relacionados

  • saúde na pessoa idosa- cuidados básicos
    3111 palavras | 13 páginas
  • ENVELHECIMENTO HUMANO
    4691 palavras | 19 páginas