Globalização do oriente médio

3655 palavras 15 páginas
GLOBALIZAÇÃO TARDIA NO ORIENTE MÉDIO

Os acontecimentos atuais no Oriente Médio e no Norte da África têm uma importância histórica, cujas conseqüências ainda estão difíceis de delimitar. Entretanto é importante desenvolver a propósito deles um marco coerente de análise. Os pontos que seguem não são esse marco em si e ainda menos uma descrição detalhada dos acontecidos, mas simplesmente alguns pontos básicos de referência para estimular a reflexão sobre esta questão. Nunca antes desde 1848 ou 1917-19 temos visto uma onda simultânea de revoltas tão amplas. Embora o epicentro do movimento esteja localizado no Norte da África (Tunísia, Egito e Líbia, e também Argélia e Marrocos), também tem explodido protestos contra os diferentes
…exibir mais conteúdo…
A natureza de classe desses movimentos não é uniforme e varia nos diferentes países e conforme a fase do movimento. Mas, globalmente, podemos caracterizá-los como movimentos das classes não exploradoras, revoltas sociais contra o Estado. Em geral, a classe operária não tem assumido a liderança dessas revoltas, mas, sem dúvida, teve uma presença significativa e uma influência que se vê tanto nos métodos de lutas como nas formas de organização postos em prática e, em alguns casos, no desenvolvimento de lutas operárias, , como as greves na Argélia e sobretudo na grande maré de lutas no Egito, que tem sido um fator chave na decisão de expulsar Mubarak.
Na maioria desses países, o proletariado não é a única classe oprimida. O campesinato e outras camadas derivadas de modos de produção ainda mais antigos, embora estejam arruinados e amplamente fragmentados por décadas de decadência capitalista, ainda possui um peso nas áreas rurais, enquanto nas cidades, onde se centraram todo o tempo as revoltas, a classe operária convive com uma numerosa classe média que está em vias de proletarização, mas ainda tem suas peculiaridades, e com uma massa de habitantes de bairros degradados, uma parte dos quais são proletários e outros pequenos comerciantes e elementos lumpenizados. Inclusive no Egito, onde está a classe operária mais concentrada e experimentada, testemunhas oculares na Praça Tahrir insistiam que os protestos haviam mobilizado a "todas as classes", com exceção dos

Relacionados

  • GESTAO INTERNACIONAL DE NEGOCIOS N2 Anhembi Morumbi
    2690 palavras | 11 páginas
  • As migrações na Era Global
    839 palavras | 4 páginas
  • Conflitos regionais e os deserdados da nova ordem mundial
    2100 palavras | 9 páginas
  • Conflito israel e palestina
    1428 palavras | 6 páginas
  • Culturas Orientais E Ocidentais Modernas
    1091 palavras | 5 páginas
  • Continente Africano, resumo
    2177 palavras | 9 páginas
  • Estudos Disciplinares V Unidade 1 E 2
    2157 palavras | 9 páginas
  • Mundo Bipolar e Globalização
    1382 palavras | 6 páginas
  • A sexualidade no mundo contemporaneo
    2402 palavras | 10 páginas
  • Plano de mídia
    6451 palavras | 26 páginas