HQ nas obras de Portinari

10764 palavras 44 páginas
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA “JULIO DE MESQUITA FILHO”
LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

ARTE NO ENSINO FUNDAMENTAL: FORMAS ARTÍSTICAS E ESTÉTICAS NA SÉRIE MEMÓRIAS DE INFÂNCIA DE PORTINARI

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Universidade Estadual Paulista – UNESP convênio UNIVESP, como parte dos requisitos para obtenção do título de Licenciado em Pedagogia, sob a orientação da Dra. Arilda Inês Miranda Ribeiro.

Unesp – Campus de Dracena
2013
Viviane A. Cansian

ARTE NO ENSINO FUNDAMENTAL: FORMAS ARTÍSTICAS E ESTÉTICAS NA SÉRIE MEMÓRIAS DE INFÂNCIA DE CÂNDIDO PORTINARI

BANCA EXAMINADORA

__________________________________
Orientadora: Dra. Arilda Inês Miranda Ribeiro

__________________________________ Professor convidado: Dr. Rodolfo Puttini

__________________________________ Professor suplente: Msc. Yara Torres

Dracena, 29 de julho de 2013.

"Navegadores antigos tinham uma frase gloriosa: navegar é preciso; viver não é preciso.Quero para mim o espírito desta frase, transformando a forma para a casar com o que eu sou: Viver não é necessário; que é necessário é criar!
Não conto gozar a minha vida; nem gozá-la penso. Só quero torná-la grande, ainda que para isso tenha de ser o meu corpo e a minha alma a lenha desse fogo".

FERNANDO PESSOA

LISTA DE ILUSTRAÇÕES

FIGURA 01

Relacionados

  • Obra terror na paulista
    568 palavras | 3 páginas
  • resenha de a obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica
    1201 palavras | 5 páginas
  • A VIDA DE CANDIDO TORQUATO PORTINARI
    1301 palavras | 6 páginas
  • A obra de arte na era das indústrias culturais
    951 palavras | 4 páginas
  • SANEAMENTO BÁSICO: PATOLOGIAS NAS OBRAS
    6539 palavras | 27 páginas
  • Trabalho de ADM - HQ
    1396 palavras | 6 páginas
  • Pulsões na obra de freud: a mitologia da psicanálise
    2083 palavras | 9 páginas
  • Concreto Preparado Na Obra 1
    993 palavras | 5 páginas
  • Análise da obra Noite na Taverna de Álvarez de Azevedo.
    3182 palavras | 13 páginas
  • Candido Portinari
    1138 palavras | 5 páginas