Intenção de ruptura do serviço social

878 palavras 4 páginas
FICHAMENTO

A intensão de ruptura surgiu em meados da década de setenta na escola de serviço social da Universidade Católica de Minas Gerais onde permaneceu isolada por uma década, porque a intensão de se renovar tinha um caráter oposto ao da autocracia burguesa, em todos os âmbitos, teórico, cultural, profissional e politico. E somente quando a crise burguesa emerge e a classe operária ressurge no cenário politico com a resistência democrática que a intensão de ruptura começar a ter visibilidade também nos foros e organismos da categoria tornando-se tema de debate entre os assistentes sociais. A perspectiva da intenção de ruptura deveria construir-se sobre bases quase que absolutamente novas; esta era uma consequência do seu projeto de romper substantivamente com o tradicionalismo e suas implicações teórico-metodológicas e prático-profissionais. Na área estatal e na área privada o espaço para inovações na perspectiva de ruptura era pequeno e o custo alto. A universidade era quem oferecia um campo novo e menos inseguro para apostas de rompimento. O espaço universitário era o que mais se prestava a este projeto, abrindo campo para ensino, pesquisa e extensão, por isso esta em uma posição principal, tendo em vista as inovações e seus desdobramentos para a intenção de ruptura. Levando às experiências pilotos com campos de estágio, à interação intelectual entre assistentes sociais sem demandas imediatas da prática profissional, à perda de controle institucional e

Relacionados

  • A importância do estágio no Serviço Social
    1513 palavras | 7 páginas
  • Resenha do livro -“a instrumentalidade do serviço social”
    1203 palavras | 5 páginas
  • A importância do estudo da economia política no curso de serviço social
    340 palavras | 2 páginas
  • A presença de postulados tomistas na gênese do serviço social
    2085 palavras | 9 páginas
  • TRAÇOS DO PROCESSO DE RENOVAÇÃO E EROSÃO DO SERVIÇO SOCIAL
    813 palavras | 4 páginas
  • APOSTILA GRATUITA DE SERVIÇO SOCIAL
    14956 palavras | 60 páginas
  • Código de ética profissional do serviço social de 1947
    1638 palavras | 7 páginas
  • As Tematicas de Gênero, Raça/Etnia no Âmbito do Serviço Social Brasileiro
    3126 palavras | 13 páginas