Intervenção do estado na economia

2781 palavras 12 páginas
INSTITUTO SUPERIOR DE GESTÃO, COMÉRCIO E FINANÇAS

CURSO: Administração Pública Comércio e finanças

Cadeira de Direito Económico e Empresarial

TRABALHO INDIVIDUAL

DISCENTE: HAFÇA ALI USSENE BICÁ
DOCENTE: ACÁCIO ZACARIAS LANGA

MAPUTO, ABRIL DE 2013

Índice

Conteúdo Página

Introdução 03
Justificativa· 03
Objectivos Geral e Específico 04
Delimitação do Tempo e Espaço 05
Intervenção do Estado na Economia 06
Conclusão 11
Bibliografia 12

1. Introdução

No presente trabalho debruçar-me-ei sobre a intervenção do Estado na Economia. Pretende igualmente demonstrar a intervenção do Estado na Economia, na medida em que se passou, em alguns países, de uma Economia planificada para uma Economia de mercado.
Estas alterações geram sempre discórdias, pretendendo-se mostrar as “várias faces da questão”.
A intervenção do Estado assume um papel regulador no funcionamento da Economia, com o objectivo de combater desequilíbrios e desigualdades geradas pelos mecanismos de mercado, sempre em busca de uma maior eficiência, equidade e estabilidade.
Contudo perante intervenções que se revelaram ineficazes, resultando em consequências vários como défices orçamentais, agravamento das dívidas públicas e perante determinados constrangimentos, a intervenção por parte do Estado é cada vez mais limitada.

2. Justificativa
A escolha deste tema, pretende-se com o facto de a economia ser o factor

Relacionados

  • Intervenção do estado na economia
    6912 palavras | 28 páginas
  • Exercicio de Direito Economico II
    1104 palavras | 5 páginas
  • O caráter cíclico da intervenção estatal
    1753 palavras | 8 páginas
  • Intervensão
    1836 palavras | 8 páginas
  • Atividade financeira do estado
    2326 palavras | 10 páginas
  • CRISE DE 1929
    8280 palavras | 34 páginas
  • Estado Intervencionista vs Liberal
    2277 palavras | 10 páginas
  • O princípio da mão invisivel por tatiana vidal
    817 palavras | 4 páginas