LSD: desmitificação e redução de danos

4247 palavras 17 páginas
LSD: desmitificação e redução de danos1
LSD:
Fabio de Paula SividanesI, Leonardo Haddad CarlosII
I
II

Graduando em Matemática Aplicada pela Universidade de São Paulo.
Graduando em Ciências da Computação pela Universidade de São Paulo.

RESUMO
Objetivo: Uma das consequências diretas da política de guerra às drogas iniciada nos Estados
Unidos é a onda de desinformação gerada no ramo, principalmente no que tange a drogas que sofrem fortes preconceitos e tabus por levarem fama de “drogas pesadas”. A mídia, ao longo dos anos, se encarregou do papel de educar a população no sentido de afastamento das drogas, empregando uma tática de implantação do medo e da repulsa.
Através de informações manipuladas ou mesmo completamente
…exibir mais conteúdo…
Temas específicos serão abordados em alguns momentos, porém o foco do programa de educação será na visão das drogas pela sociedade, nos acontecimentos que levaram a droga a ser vista assim, no papel da mídia dentro do combate às drogas e da política da

desinformação, na falta de conhecimento que os jovens possuem como consequência do sucesso temporário da política de desinformação da mídia, no contexto histórico da proibição, e, por fim, no papel que as drogas exercem na sociedade como mercadoria.
No âmbito familiar, a devastação causada pela cultura de ódio às drogas é ainda maior.
A falta de informação leva pais e educadores a tomarem posturas claramente opostas às recomendáveis para lidar com membros da família que estejam envolvidos com drogas. A ideia demoníaca criada sobre ela faz com que seja evidente o despreparo de qualquer um desses educadores, que não saberia definir uma forma segura, responsável e redutora de danos de usar drogas nem para si mesmo, quem dirá para outra pessoa, possivelmente em fase de crescimento e que precisam de bons feedbacks e ensinamentos de pessoas mais velhas e, teoricamente, mais experientes. Sendo assim, os ensinamentos que são de fato passados acabam se tornando vazios e sem credibilidade para o jovem, que vê neles apenas uma repetição sem sentido da demonização da droga promovida pela mídia e da associação

Relacionados