Lampiao Rei do Cangaço

4564 palavras 19 páginas
Lampião Rei do Cangaço Nordestino

Virgolino Ferreira da Silva (O Lampião), era o terceiro dos muitos filhos de José Ferreira da Silva e de Maria Lopes. Nasceu em 1898, no sítio Passagem das Pedras, pedaço de terras desmembrado da fazenda Ingazeira, às margens do Riacho São Domingos, no município de Vila Bela, atualmente Serra Talhada, no Estado de Pernambuco. Os sertões de Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe serviram de palco para o drama que envolveu milhares de nordestinos... Quando Lampião andava por aqueles sertões, ali existiam onças pintadas, suçuaranas, onças pretas, veados e tipos variados de serpentes, como jararacas, jibóias, cascavéis, etc. O gavião carcará é um dos mais conhecidos habitantes dos sertões, assim como diversas espécies de lagartos. Papagaios, periquitos, canários, juritis, azulões, anus pretos e emas eram também numerosos naquela época. À beira do Rio São Francisco encontrávamos jacarés guaçú, pipira, tinga, o de papo amarelo, etc. Até o advento de Lampião, como passou a ser conhecido a partir de certo momento de sua vida, o cangaço era apenas um fenômeno regional, limitado ao nordeste do Brasil. O restante do país não se incomodava com o que não lhe dizia respeito. Mas a presença de Lampião, sua ousadia e seu destemor, fizeram do cangaceiro uma figura de destaque nos noticiários diários do país inteiro, exigindo atenção cada vez maior por parte das autoridades, que se sentiram publicamente desafiadas a

Relacionados

  • BURKE, Peter. A construção do sistema & Auto afirmação. In: A fabricação do rei.
    1698 palavras | 7 páginas
  • Memorial De Est Gio Anderson Dos Reis Franco
    998 palavras | 5 páginas
  • Artigo: relação do príncipe de maquiavel e o rei leão
    1436 palavras | 6 páginas
  • Plano de marketing - franquia rei do mate
    5474 palavras | 22 páginas
  • Estética do Cangaço: Influências da moda de Lampião e Maria Bonita na produção de moda de estilistas brasileiros contemporãneos
    1005 palavras | 5 páginas
  • Resenha do livro chatô – o rei do brasil (fernando morais)
    1146 palavras | 5 páginas
  • O Mito Do Rei Midas
    816 palavras | 4 páginas