Lesões produzidas por projéteis de arma de fogo (paf) 

2127 palavras 9 páginas
Lesões Produzidas por Projéteis de Arma de Fogo (PAF)

Medicina Legal

Sumário

1.0 - Introdução ao Estudo das Lesões por PAF

1.1 - Perspectiva Médico Legal

1.2 - Ferida de Entrada

1.3 - Trajeto

1.4 - Orifício de Saída

1.4.1 - Observações

2.0 - Diferença do tiro encostado com superfície óssea por baixo e sem superfície óssea

3.0 - Conclusão

4.0 - Bibliografia
1.0 - Estudo das Lesões produzidas por PAF ( Perfuração por Arma de Fogo)

Consideram-se como PAF todos os efeitos lesivos produzidos no organismo por disparos realizados com armas
…exibir mais conteúdo…
A zona de tatuagem ( tatuagem verdadeira) decorre da incrustação de grânulos e fragmentos de pólvora, NÃO combusta pelo disparo na região atingida, não sendo removível ( Figura 2).

[pic]

(Figura 2 - Zona de Tatuagem)

A zona de esfumaçamento ( tatuagem falsa) cria-se pelo simples depósito de pólvora combusta e impurezas ( ou fuligem) , que podem ser removidas com água, sendo importante o questionamento ou observação da descrição da mesma, nos boletins de atendimento de urgência ou nas descrições da perícia médico-legal.

A zona de chamuscamento ou queimadura é produzida pelos gases superaquecidos, que queimam a epiderme, pêlos, vestes, etc. Só se forma nos tiros muito próximos.

Todas as zonas (queimadura, esfumaçamento e tatuagem) encontradas no tiro a curta distância, podem não estar presentes no tecido humano, isto acontece quando há um anteparo entra a arma e a pele, ex: roupa, travesseiro, etc.

No tiro encostado (Figura 3) à pele, a lesão provocada pelo disparo dependerá da presença de estrutura óssea embaixo do tecido e da tensão colocada no cano em direção à pele. Quando esta força for pequena, por motivo da pressão dos gases exalados pelo cano da arma, possibilitará o afastamento da pele à arma, ocasionando aparecimento da orla de esfumaçamento. Porém, quando encontramos plano ósseo abaixo da pele, ex: crânio, observa-se o “buraco em boca de mina” descrita por Hoffman (Figura 4) que é devido à

Relacionados

  • cinemática do trauma
    8407 palavras | 34 páginas