Literatura: escolas literárias

4101 palavras 17 páginas
LITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIAS
No estudo da Literatura, compreendemos que todas as manifestações artísticas pertenceram a uma dada escola literária, também chamadas de estilos de época. Partindo de tal princípio, é fundamental que você se familiarize com os traços norteadores desses estilos (ou, caso prefira, dessas escolas literárias), no sentido de entender de forma significativa alguns deles, tais como o Barroco, Arcadismo, Romantismo, entre outros.
Todos os representantes do cenário artístico, brasileiro ou não, viveram à margem de um determinado tempo, de uma determinada época e tiveram o privilégio de vivenciar os acontecimentos, os fatos manifestados no plano político, econômico e social da época em questão. Em virtude de tais
…exibir mais conteúdo…
| 2.AUTORES | • Pe. Manuel da Nóbrega — Diálogo sobre a conversão do gentio (obra de caráter literário).• Pe. Fernão Cardim — Tratados da Terra e Gente do Brasil (linguagem bem-humorada, admirativa e simpática em relação ao indígena e à terra).• Pe. José de Anchieta — Poeta e teatrólogo (oito autos); principal figura literária do Quinhentismo. Teatro: alegorias que representam a luta entre o Bem e o Mal, com evidente vitória do primeiro. Poesia: tanto influência medieval como influência renascentista. |
ATENÇÃO!
A visão que o europeu tem dos índios baseia-se numa concepção de mundo eurocêntrica e eivada de preconceitos. O único ponto positivo desta visão é a descrição do “novo mundo” como uma terra paradisíaca e incomparavelmente bela. Em uma época como a nossa, em que a alteridade e a diversidade são paradigmas essenciais para a formação do cidadão, a visão quinhentista dos nativos brasileiros é de extrema importância para o vestibular.

II – O BARROCO

No Brasil, o movimento tem como marco inicial a publicação do poema épico Prosopopéia, publicado em 1601 por Bento Teixeira - poeta português radicado em Pernambuco. Forte jogo de oposições e conflitos de natureza espiritual caracterizam o Barroco.
Gregório de Matos Guerra (1636-1695) é o principal autor do Barroco brasileiro.

Relacionados

  • Literatura indígena na escola brasileira
    2759 palavras | 12 páginas
  • Manifestações literárias no brasil
    5473 palavras | 22 páginas
  • Literatura comparada
    1226 palavras | 5 páginas
  • Literatura comparada
    2650 palavras | 11 páginas
  • A LINGUAGEM LITERÁRIA DA MODERNIDADE
    5544 palavras | 23 páginas
  • manifestação literária em ms
    981 palavras | 4 páginas
  • literatura infantil - apostila
    11005 palavras | 45 páginas
  • Literatura infantojuvenil
    824 palavras | 4 páginas
  • Manifestações literarias
    8362 palavras | 34 páginas
  • Relatório: Literatura Afro-brasileira na Escola um Desafio para o Professor
    1063 palavras | 5 páginas