Lutas indígenas

1128 palavras 5 páginas
Sempre que pensamos em um tipo de competição desportiva, pensamos em Copa do Mundo, Jogos Olímpicos e até em algum que o nosso país participa muito pouco, como as Olimpíadas de Inverno. Porém, nunca imaginamos os Jogos dos Povos Indígenas.
Os Jogos dos Povos Indígenas é um evento de competição esportiva criado em 1996 através de uma iniciativa indígena brasileira, do Comitê Intertribal - Memória e Ciência Indígena (ITC), com o apoio do Ministério do Esporte do Brasil. O primeiro foi realizado em Goiânia, capital do estado de Goiás, com a participação de 470 índios de 29 etnias e tinham como preocupação maior a aproximação das nações indígenas brasileiras das diferentes regiões do país.
Os Jogos tem por finalidade o congraçamento entre todos os participantes, privilegiando o aspecto lúdico da prática esportiva, revelando e resgatando as manifestações esportivas tradicionais indígenas. Cabe ressaltar que os jogos não buscam promover o esporte de alto rendimento, que procura identificar e formar grandes campeões, mas fortalecer a identidade cultural, celebrando o espírito de confraternização digna e respeitosa com a sociedade não-indígena e, acima de tudo recuperar a auto-estima do Homem Índio.
Interessante notar que as sedes dos jogos são sempre em locais afastados das grandes cidades, contrariando a lógica dos torneios desportivos, mas extremamente coerente com a proposta indígena que preservam o lema: “O importante não é competir, e sim celebrar”.
As modalidades

Relacionados

  • cemiterio indigena
    999 palavras | 4 páginas
  • Luta Marajoara
    3536 palavras | 15 páginas
  • mitos e lendas indígenas
    2023 palavras | 9 páginas
  • cultura indigena
    2430 palavras | 10 páginas
  • Antropologia e diferença quilombolas e indígenas na luta pelo reconhecimento do seu lugar no brasil dos (des)iguais
    463 palavras | 2 páginas
  • CRENÇAS INDIGENAS
    1409 palavras | 6 páginas
  • lutas
    1547 palavras | 7 páginas
  • DIREITO INDIGENA
    5528 palavras | 23 páginas
  • Religiosidade Indigena
    964 palavras | 4 páginas
  • A Luta do Proletariado Urbano
    2841 palavras | 12 páginas