Marx e a economia política a crítica como conceito.

2564 palavras 11 páginas
Trabalho de Economia Política

Marx e a economia política a crítica como conceito.

CARANGOLA-MG, 17 DE OUTUBRO DE 2012.

Significados do termo “economia política”
O que se pode e o que se deve entender exatamente por “economia política”? No século XIX, a expressão era usada para designar uma determinada área do conhecimento, ou campo da ciência, voltada para o estudo dos problemas da sociedade humana relacionados com a produção. A partir do final do daquele século, a expressão foi sendo progressivamente abandonada, surgindo um novo termo- economics – que passou a gozar da preferência dos economistas para designar a sua ciência.
Com essa troca de nomes, o sentido original do termo começou a se perder e foi sendo esquecido, de tal modo
…exibir mais conteúdo…
No século XIX, portanto, todos os estudos sobre problemas econômicos, quaisquer que tenham sido a orientação, o método e as conclusões, receberam a denominação de “economia política”. Foi Marshall(1842-1924), no final do século, que abandonou essa expressão e trocou-a por um novo termo, ao denominar sua obra de Principles of Economics(1890).
Não é difícil entender porque Marshall abandonou a expressão tradicional, Economia Política, e adotou Economics, como também não é difícil saber por que, os estudiosos dos temas econômicos passaram a usar economia política. Na verdade, a expressão economia política, está em sua origem, relacionada a seu inverso, a política econômica, e, portanto, a processos e a decisões que envolvem atores reais no campo da política,suas paixões e interesses,um número crescente de pensadores,não só provenientes do campo da filosofia política,mas também homens com formação voltada para problemas práticos, é exatamente o momento da formação dos Estados nacionais e da generalização das relações mercantis.
Nesse contexto, o objetivo dos autores que escreveram sobre problemas econômicos, nos séculos XVII e XVIII, não era a teoria de Perse, muito menos a construção de modelos abstratos de análise, mas a discussão e a formulação de políticas concretas, envolvendo tributos, moeda, comércio, preços etc. (daí a definição que Smith dava de economia política).
Tais autores estavam criando o fundamento de uma

Relacionados

  • Karl marx, critica da economia politica
    3729 palavras | 15 páginas
  • Resumo "materialismo historico dialetico"
    1741 palavras | 7 páginas
  • Novas ideologias da revolução industrial
    3864 palavras | 16 páginas
  • A economia depende somente do capital.
    994 palavras | 4 páginas
  • Autores considerados clássicos do pensamento sociologico
    3181 palavras | 13 páginas
  • Fichamento: marx, k. a chamada acumulação primitiva. in: o capital: crítica a economia política. livro i, volume ii. rio de janeiro: civilização brasileira, 1968.
    1065 palavras | 5 páginas
  • Resenha dos Manuscritos Econômicos Filosoficos
    1252 palavras | 6 páginas
  • Bottomore
    2496 palavras | 10 páginas