Matar a natureza é matar o lucro

2020 palavras 9 páginas
Ambiente
Matar a natureza é matar o lucro
As empresas descobrem que a biodiversidade significa dinheiro em caixa e que a saúde do negócio está vinculada à saúde do planeta

Gabriela Carelli
Até pouco tempo atrás, as empresas costumavam atrelar seu nome às causas verdes principalmente como estratégia de marketing. À medida que o mundo tomava consciência das questões ambientais, em especial a degradação dos recursos naturais, demonstrar preocupação com o planeta era uma forma de lustrar a imagem da companhia e atrair os consumidores para suas marcas. Essa relação entre o mundo dos negócios e a natureza avançou dramaticamente. Se antes as empresas patrocinavam o reflorestamento de uma área ou reciclavam seu lixo, colocavam a conta na lista de despesas, sem esperar retorno financeiro. Hoje, os custos de ações como essas vão para a lista de investimentos, já que podem significar lucros e crescimento nos negócios. Conglomerados como a General Electric, o Walmart e a IBM mantêm projetos de ecoeficiência e de preservação do ambiente porque os consideram estratégicos para a própria sobrevivência. O que mudou? Para entender o fenômeno, tome-se como exemplo a Coca-Cola, uma das marcas mais valiosas do mundo.
Há dez anos, quando anunciou uma série de investimentos inéditos em projetos ambientais, a Coca-Cola não estava preocupada com o derretimento das geleiras do Ártico nem queria salvar os ursos-polares ameaçados de extinção. Diante de estudos que apontavam para a crescente

Relacionados

  • Lucro-o objetivo da produção capitalista
    1305 palavras | 6 páginas
  • A natureza e o comportamento dos sistemas naturais
    1362 palavras | 6 páginas
  • Custo lucro e volume
    1605 palavras | 7 páginas
  • função custo e lucro
    1417 palavras | 6 páginas
  • O massacre da Natureza
    2027 palavras | 9 páginas
  • O cuidado com a Natureza
    1694 palavras | 7 páginas
  • RESUMO DO CAPÍTULO I DO LIVRO O DESAFIO AMBIENTAL: “A NATUREZA DA GLOBALIZAÇÃO E A GLOBALIZAÇÃO DA NATUREZA”
    1695 palavras | 7 páginas
  • “Natureza e identidade da pedagogia. O que é a pedagogia e quem é o pedagogo”
    2138 palavras | 9 páginas
  • Energia e natureza: o uso da tecnologia a favor do meio-ambiente e da produção de energia
    1235 palavras | 5 páginas