Morfologia, Sintaxe, Fonologia, Fonetica, Semântica e Pragmático

1392 palavras 6 páginas
Morfologia
A palavra morfologia vem do grego e significa o estudo da forma (em seu sentido literal) ou estudo da figura. Tem como objetivo o estudo da estrutura e dos processos de flexão e formação dos vocábulos, bem como a classificação dos vocábulos.
O conceito de morfologia pode se definir de duas formas, um na visão dos gramáticos, que abrange as regras impostas nas gramáticas consagradas em nosso país, com base na NGB (Nomenclatura Gramatical Brasileira), lei criada, em 1971, e que rege a nossa língua oficial; e o outro defendido pelos linguistas com base científica, onde a língua tem uma estrutura e regras de funcionamento, por isso, tem que ser entendida criticamente.
Analisam-se as citações de alguns gramáticos, como Napoleão Almeida "Segunda parte da gramática (...) (gr. Morphê=figura + logias=estudo), que trata das palavras: a) quanto à sua estrutura e formação; b) Quanto às suas flexões; c) Quanto à sua classificação", Celso LUFT "Disciplina que se ocupa do sistema morfológico da língua, do aspecto formal das palavras, vem do grego morphê+log (os)+ia= tratado, estudo das formas". Comparam-se as duas definições, de Almeida e Luft, ambas não diferem quanto ao campo de estudo da morfologia, utilizam o termo palavras ao invés de vocábulos e pregam a norma estabelecida pela NGB (sem contestação), no qual se leva a deduzir serem as gramáticas prescritivas, consideradas como meros modelos de reprodução, sem nenhuma postura crítica.
Em linguística, morfologia é o

Relacionados