Muçulmanos

2024 palavras 9 páginas
Muçulmanos
Muçulmano é todo o indivíduo que adere ao Islão, uma religião monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de Maomé, e que teria recebido revelações de Deus. Além disso, os muçulmanos também dão ênfase aos dogmas da oração, jejum no mês de Ramadã, peregrinação em Meca e o estudo do Alcorão.

Islão
Islamismo, Islão ou Islã é uma religião abraâmica monoteísta articulada pelo Corão, um texto considerado por seus seguidores como a palavra literal de Deus e pelos ensinamentos e exemplos normativos (a chamada suna, parte do hadith) de Maomé, considerado pelos fiéis como o último profeta de Deus. Um adepto do islamismo é chamado de muçulmano.
Surgiu
O islamismo surgiu no século VI na Arábia, região do Oriente Médio que era
…exibir mais conteúdo…
Os Árabes da Síria tiveram pouca influência política até à chegada dos poderodsos imigrantes Gassânidas, originários do Iémen, que formaram um estado semi autônomos com o seu próprio rei, vassalo dos romano-bizantinos. A dinastia Gassânida tornou-e uma das dinastias principescas do Império, com o rei gassânida a governar os Árabes da Jordânia e sul da Síria desde a sua capital em Bosra. O último dos reis gassânidas, no poder quando se deu a invasão muçulmana, foi Jabla bin al Aiham.
Depois de reconquistar a Síria aos Sassânidas, Heráclio estabeleceu novas linhas de defesa desde Gaza até ao extremo sul do mar Morto. Estas linhas foram projetadas apenas para proteger as comunicações de bandidos e o grosso das defesas foram concentrados no norte da Síria, em frente aos inimigos tradicionais, os Persas. Essas linhas de defesa tinham uma falha, pois permitiram que aos muçulmanos que emergiram do deserto a sul chegar a locais tão a norte como Gaza antes de encontrarem tropas regulares bizantinas. O século VII foi um tempo de rápidas mudanças militares no Império Bizantino. Embora seja certo que o império não estava em estado de colapso quando enfrentou a nova ameaça vinda da Arábia depois de ter sido desgastado pelas recentes guerras com os Persas, fracassou em enfrentar o novo desafio de forma eficaz.

Conquista muçulmana do Egito
Pouco antes da invasão muçulmana do Egito (639–642), o país fazia parte do Império Bizantino até ser ocupado, uma década antes, pelo Império

Relacionados

  • Lista de Alimentos Muçulmanos
    859 palavras | 4 páginas
  • Direito islamico e sua influencia nas leis atuais
    4763 palavras | 20 páginas
  • As cruzadas segundo os muçulmanos
    1564 palavras | 7 páginas
  • Islã: aspectos culturais, religiosos, sociais, civis e éticos
    7255 palavras | 30 páginas
  • TRABALHO COMPLETO ISLAMISMO
    8073 palavras | 33 páginas
  • Igreja: a religião como instituição
    3911 palavras | 16 páginas
  • Conflitos religiosos no mundo atual (judeus x mulçumanos)
    1351 palavras | 6 páginas
  • Revolta dos Malês na Bahia e Sua Influência Sobre o Candomblé
    3563 palavras | 15 páginas