NOVA CIÊNCIA E RACIONALISMO

2149 palavras 9 páginas
TRABALHO DE FILOSOFIA
TEMA GERAL: NOVA CIÊNCIA E RACIONALISMO.
*IDADE MODERNA: A REVALORIZAÇÃO DO SER HUMANO E DA NATUREZA E RENASCIMENTO.
A partir do século XV, ocorreu uma série de transformações nas sociedades européias – o começo da construção de uma nova mentalidade. Entre essas transformações, podemos destacar:
*A passagem do feudalismo para o capitalismo — florescimento do comércio, o estabelecimento das grandes rotas comerciais, o predomínio do capital comercial e a emergência da burguesia;
*A formação dos Estados nacionais — novas concepções político-econômicas - as formas do poder político (ocorreu então a centralização do poder através da monarquia absoluta) e a questão comercial (desenvolveu-se nesse período o mercantilismo e o fortalecimento econômico de alguns Estados, levando ao impulso das grandes navegações marítimas, à descoberta do Novo Mundo e ao estabelecimento das colônias);
*O movimento da Reforma — provocando a quebra da unidade religiosa européia e rompendo com a concepção passiva do homem, entregue aos de signos divinos, concebendo a razão humana como extensão do poder divino, colocando o homem em condições de pensar livremente e responsabilizar-se por seus atos de forma autônoma;
*O desenvolvimento da ciência natural — criou-se novos métodos de investigação científicos, impulsionados pela confiança na razão humana e o questionamento da submissão desta aos dogmas da a Igreja Católica, que perdia, nesse momento, parte de seu poder de

Relacionados

  • Educacao e Filosofia antiga
    2913 palavras | 12 páginas
  • Gaston bachelard
    1799 palavras | 8 páginas
  • Racionalismo e empirismo
    1840 palavras | 8 páginas
  • A concepção moderna do homem
    1430 palavras | 6 páginas
  • A concepção moderna do homem
    1584 palavras | 7 páginas
  • A evolução do racionalismo moderno e o pensamento da natureza
    938 palavras | 4 páginas
  • Cap. 2 – a sociologia como produto histórico. (in: lemos filho, arnaldo e outros. sociologia geral e do direito. campinas: ed. alínea, 2004, p. 37 – 54)
    1226 palavras | 5 páginas
  • Resumo Gaston Bachelard
    2240 palavras | 9 páginas
  • A teoria do conhecimento na idade moderna
    2772 palavras | 12 páginas