Nacionalidade

4708 palavras 19 páginas
NACIONALIDADE E CONDIÇÃO JURÍDICA DO ESTRANGEIRO

NACIONALIDADE

Conceito

Vinculo jurídico-político que une um indivíduo a um certo Estado soberano.

Diferença nacionalidade X naturalidade X cidadania

Nacionalidade: Vínculo jurídico-político
Naturalidade: local de nascimento
Cidadania: exercício dos direitos políticos

Cidadania sem nacionalidade: Tratado de Amizade, Cooperação e Consulta Brasil Portugal, Dec. nº 3.927/01, art. 17

Modalidades

Nacionalidade originária: aquela a que se tem direito desde o nascimento, quer tenha sido efetivamente adquirida naquele momento, ou posteriormente.
Nacionalidade derivada: aquela adquirida no decorrer da vida, a que não se tinha direito quando do nascimento. Exemplo mais comum: naturalização.

Critérios para aquisição de nacionalidade

Ius soli: Critério do solo/territorial – o indivíduo adquire a nacionalidade do país em que nasceu. Onde: EUA, África do Sul, Argentina, Chile, Uruguai, Austrália.
Ius sanguinis: Critério do sangue – o indivíduo adquire a nacionalidade de seus pais à época do nascimento. Onde: Itália, Alemanha, França, Espanha, Holanda.
Ius laboris: Critério do Trabalho – o indivíduo adquire a nacionalidade do país onde trabalha. Sempre nacionalidade derivada; às vezes conjugada com outro critério, como o do sangue (ex.: aquele que nasce de pais residentes em país estrangeiro mas a serviço do país de sua nacionalidade). Onde: Haiti, Panamá, Vaticano.
Ius domicilii: Critério do

Relacionados

  • NACIONALIDADE Texto
    6826 palavras | 28 páginas
  • Direito a nacionalidade
    3046 palavras | 13 páginas
  • Naturalidade e nacionalidade
    1010 palavras | 5 páginas
  • Nacionalidade/naturalidade venezuelana
    2880 palavras | 12 páginas
  • Art. 5º, CF/1988 - Direitos de Nacionalidade
    5698 palavras | 23 páginas
  • Nacionalidade e identidade país basco
    936 palavras | 4 páginas
  • Fichamento: machado de assis, notícia da atual literatura brasileira. instinto de nacionalidade.
    2493 palavras | 10 páginas
  • Parecer Direito Internacional Privado
    1506 palavras | 6 páginas
  • Direito
    1920 palavras | 8 páginas
  • Constitucional
    1819 palavras | 8 páginas