O Fordismo e a Revolução da Administração de Empresas

827 palavras 4 páginas
O Fordismo e a Revolução da Administração de Empresas
O Fordismo, idealizado Henry Ford, revolucionou a administração de empresas pois permitiu produzir produtos mais baratos e em maior quantidade.
Henri Ford, ao contrário dos outros empresários de administração de empresas da época, sempre viu o consumo da população como forma para trazer o bem estar social.
Para poder ganhar mais dinheiro Ford desenvolveu um sistema onde pagava melhor seus funcionários e também vendia produtos mais em conta. Contrariando os conceitos básicos da administração de empresas ao aumentar os custos e reduzir o valor dos produtos, o resultado disso poderia ser justamente o prejuízo, mas era justamente a questão chave: No Fordismo o lucro não vem da venda de produtos caros e luxuosos e sim da venda de produtos baratos e simples que todos podem comprar, para o Fordismo o lucro vinha da quantidade de produtos vendidos.
Com preços mais em conta estimula se o consumismo isso faz com que haja produção em larga escala industrial, fazendo com que esse conceito passe a ser da administração de empresas e da indústria mundial a partir de então.
Antes da introdução do Fordismo no início do século XX, a indústria de automóveis era voltada para o público rico, pois os automóveis eram um artigo extremamente luxuoso raro e caro o preço de um equivaleria ao preço de uma casa e sua manutenção também era caríssima.
Como poucos eram vendidos não havia estímulos para a evolução tecnológica dos carros, assim

Relacionados

  • A IMPORTANCIA DA ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA PARA AS MICRO E MÉDIA EMPRESAS
    18377 palavras | 74 páginas
  • Administração financeira da pequena e media empresa
    6357 palavras | 26 páginas
  • Keynesianismo-fordismo e a generalização da política social
    4302 palavras | 18 páginas
  • fordismo, sua crise e o caso brasileiro
    12430 palavras | 50 páginas
  • A IMPORTÂNCIA DA CONTROLADORIA PARA ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS
    9945 palavras | 40 páginas
  • o Taylorismo e o Fordismo
    2216 palavras | 9 páginas
  • KEYNESIANISMO-FORDISMO E A GENERALIZAÇÃO DA POLÍTICA SOCIAL
    2228 palavras | 9 páginas
  • SOCIOLOGIA DAS ORGANIZAÇÕES Revolução Industrial, Taylorismo, Fordismo, Toyotismo
    5017 palavras | 21 páginas
  • Teorias da administração da empresa teorias da administração da empresa
    2643 palavras | 11 páginas
  • Administração da empresa Itau, tecnologia da informação e comunicação empresarial
    3005 palavras | 12 páginas