O USO DA MAQUETE COMO RECURSO DIDÁTICO NO ENSINO DE GEOGRAFIA.

1812 palavras 8 páginas
O USO DA MAQUETE COMO RECURSO DIDÁTICO NO ENSINO DE GEOGRAFIA.

INTRODUÇÃO

De acordo com Cavalcanti (2006) o ensino de geografia deve desenvolver no educando a capacidade de compreensão da realidade, ajudando-o a formar raciocínios e concepções mais articulados e aprofundados a respeito do espaço, formando a partir dessa compreensão da realidade cidadãos críticos e atuantes. Porém para se alcançar esses objetivos é imprescindível que os conteúdos das aulas não sejam ensinados de maneira fragmentada, é necessário também que haja a valorização do conhecimento que cada aluno traz consigo, em decorrência das suas experiências de vida, ligando o estudo à vida do individuo, fazendo-o perceber a importância do que está sendo estudado,
…exibir mais conteúdo…
Ou seja, permite que a curva de nível – representada bidimensionalmente no mapa – seja apresentada em relevo – representado tridimensionalmente na maquete -, bem como possibilita a apresentação de outros elementos da paisagem - rios, estradas, áreas urbanas e rurais, etc. (SIMIELLI, 1999).

O estudo do revelo perpassa obrigatoriamente por um mapa hipsométrico ou uma carta topográfica, possibilitando a percepção das áreas mais elevadas através dos signos (cores), a identificação dos divisores da água e dos rios que drenam a área, depois do embasamento teórico feito pelo professor é chegada a hora de transformar o abstrato no concreto, ou seja, depois da teoria parte-se para a prática.
A confecção da maquete utiliza a seguinte técnica: serão transferidos da carta topográfica/mapa hipsométrico para folhas de papel vegetal as curvas de nível e o conjunto de rios, sendo que cada folha representará uma cota/curva de nível distinta da carta. Posteriormente, as folhas transparentes serão transportadas para o papelão/papel Paraná/EVA que recortada e colada começa a formar a base da representação a partir da curva mais baixa. Para um efeito visual mais bonito e melhor acabamento, a maquete poderá ser recoberta com massa corrida ou gesso, lixada e pintada com tinta guache. A partir das maquetes poderá ser observada a tridimensionalidade e comparando a mesma com o mapa, apresentando os resultados concretos da visão

Relacionados

  • A importância da leitura da educação infantil segundo emilia ferreiro
    1926 palavras | 8 páginas
  • Uso de mapas no ensino de geografia
    5894 palavras | 24 páginas
  • Projeto sobre o uso de maquetes no ensino de geologia: um olhar sobre a formação e extração do petróleo
    933 palavras | 4 páginas
  • Ciclo das rochas
    1277 palavras | 6 páginas
  • A importância da utilização das artes visuais e tecnologias no ensino de geografia.
    3408 palavras | 14 páginas
  • A LINGUAGEM ARTÍSTICA COMO RECURSO PEDAGÓGICO
    1573 palavras | 7 páginas
  • desigualdade de genero raça e etnia
    2986 palavras | 12 páginas
  • Dossi GEO Fev2015 2
    844 palavras | 4 páginas
  • Projeto de intervenção: cartografia e ensino
    1344 palavras | 6 páginas