O estudo social - fávero - fichamento

2249 palavras 9 páginas
FÁVERO, Eunice Teresinha. O Estudo Social – fundamentos e particularidades de sua construção na Área Judiciária. In: CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL – CFESS (org.) O Estudo Social em Perícias, Laudos e Pareceres Técnicos: contribuição ao debate no Judiciário, Penitenciário e na Previdência Social. 6 ed. São Paulo: Cortez, 2006.

(p. 10) “O estudo social, tão presente no cotidiano da intervenção ao longo do processo histórico do Serviço Social, em especial no campo sócio-jurídico1, parece ter sido redescoberto, nos últimos tempos, com um objeto de investigação sistemática, questionamentos, polêmicas e debates.”

“Ainda que o meio sócio-jurídico, em especial o judiciário, tenha sido um dos primeiros espaços de trabalho do assistente
…exibir mais conteúdo…
145 a 147). Legislação esta que na atualidade respalda a nomeação ou solicitação de assistente social para oferecer conhecimentos da área ao aplicador da justiça, para ações que tramitam nas Varas da Família e das Sucessões e Varas Cíveis.”

“Verifica-se que, nesse processo histórico, o Serviço Social, mais especificamente no que se refere à atuação junto à Justiça da Infância e Juventude e também da Família, e das Sucessões, e Cíveis, teve como base a metodologia operacional do ‘Serviço Social de casos individuais’, desdobrando (p.22) originalmente nas etapas de ‘estudo, diagnóstico e tratamento’, ou ‘investigação – diagnóstico e intervenção’. No que diz respeito sobretudo à operacionalização do processo de intervenção, pode-se dizer que essa metodologia até hoje se faz presente, e de maneira predominante, nesse campo, resguardadas as diferentes orientações teóricas que direcionaram a ação do assistente social ao longo dos anos.”

(p.24) “A globalidade da situação em estudo, todavia, era limitada ao predomínio do ser/indivíduo à coletividade, não se colocando a dimensão de totalidade4 como base para a análise, influenciada, à época, sobretudo pelo pensamento positivista.”

(p.25) “Assim, Guerriero (1985), ao tratar do estudo social a partir de sua experiência no contexto judiciário, apontava que o objeto

Relacionados