O gestor escolar e as relações interpessoais com o corpo docente e técnico administrativo.

11387 palavras 46 páginas
INTRODUÇÃO

Falar das relações interpessoais na contemporaneidade é lançar um olhar sobre um quadro perturbador porque novo e, portanto, ainda em construção. É, sobretudo, lançar um olhar para um momento histórico marcado pela superação de limites através do conhecimento e, contraditoriamente, pelo conseqüente retrocesso no que diz respeito às relações humanas. O contexto é mesmo paradoxal: em meio à sociedade globalizada, os homens estão cada vez mais abandonados em sua condição humana, cada vez mais sós. Em meio à “sociedade do conhecimento”, conhece-se o mundo desconhecendo a si. Dentro desse contexto sobra, portanto, uma pergunta: qual o lugar que se reserva para as relações entre os seres? Sem sombra de dúvida
…exibir mais conteúdo…
O conceito de colônia pode ser expresso pelo pensamento de dependência política e econômica em relação aos objetivos e necessidades da metrópole, tendo como característica principal as regras do capitalismo comercial. O Estado português mantinha uma atuante relação com a Igreja. Durante o período colonial, a monarquia portuguesa delegou à companhia de Jesus, o papel eminente de desenvolver a educação. Em 1759, os jesuítas são expulsos de Portugal e de todas as suas colônias e o governo Português toma o encargo de administrar a educação, sendo esta considerada de interesse do Estado e não mais da Igreja. A proposta ideológica de Pombal sobre a educação objetivava utilizar a educação como uma ferramenta a serviço dos interesses do Estado. O processo da administração escolar no período Pombalino foi marcado pela ingerência do Estado na educação, passando a se criar um sistema nacional de educação, interligando definitivamente a educação em Portugal aos processos políticos e sociais.

1.1.2– ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR NO IMPÉRIO

A era Pombal tem o seu declínio com a sucessão de D José e a demissão sumária do Marquês pela nova rainha de Portugal, D. Maria I em 1777. A partir desta data até o seu afastamento, devido ao seu atestado de incapacidade mental, não ocorreram grandes transformações no

Relacionados

  • Gestao escolar
    4180 palavras | 17 páginas
  • A importância da gestão e coordenação pedagógica no ensino superior
    1753 palavras | 8 páginas
  • Gestão
    4451 palavras | 18 páginas
  • Memorial Descritivo - Multimeios Didáticos
    11614 palavras | 47 páginas
  • Relatorio estagio em psicologia organizacional
    5486 palavras | 22 páginas
  • Portfólio Progestão
    7425 palavras | 30 páginas
  • Relatório de estagio gestão escolar
    5146 palavras | 21 páginas
  • TCC SUPERVISÃO ESCOLAR
    6560 palavras | 27 páginas
  • O COORDENADOR PEDAGÓGICO FRENTE AOS DESAFIOS DA GESTÃO DEMOCRÁTICA
    9471 palavras | 38 páginas
  • Diario de bordo pedagogia
    19062 palavras | 77 páginas