O nascimento das fábricas - resumo

2506 palavras 10 páginas
SUMÁRIO INTRODUÇÃO | 1 | UMA IDEOLOGIA DO TRABALHO | 2 | A FÁBRICA E O ENGENHO | 4 | A FÁBRICA VENCE | 5 | CONCLUSÃO | 6 | REFERÊNCIAS | 7 |

O NASCIMENTO DAS FÁBRICAS

Trabalho apresentado ao Curso de História do UNINORTE como um dos pré-requisitos para a aprovação na disciplina de História Moderna, ministrada pela Prof.ªAna Paula Rabelo.

MANAUS – AM
2011
INTRODUÇÃO
Com a criação das fábricas há uma mudança tanto no meio econômico como no social na Europa. Nós nos concentraremos aqui nesse processo a partir da perspectiva social, nos apoiando nas reflexões de Edgar de Decca. A principal consequência é clara: a mudança no trabalho. Não só em como ele é feito, mas em como ele é visto.
O trabalhador comum passa a pensar no tempo e em como utilizá-lo racionalmente. É uma grande mudança, tendo em vista que antes ele tinha total poder sobre o seu trabalho e não havia a necessidade de dividir seu tempo segundo um critério de maior ou menor produtividade.As fábricas retiram a autonomia do trabalhador é incutida na cabeça deles a idéia de disciplina e de tempo útil. Para que isso acontecesse era preciso, primeiro, reabilitar o trabalho, que antes era visto como um martírio. É a partir desse momento que o trabalho adquirirá um novo conceito, o de glorificação, que terá seu ápice nos dias atuais. Esse novo conceito, contudo, foi imposto.
Imposto pela burguesia, classe essa que está se consolidando, e ela se dará através da fábrica, uma vez que é nela que

Relacionados

  • Pricnipais técnicas de administração de materiais
    918 palavras | 4 páginas
  • Resenha do livro: o nascimento das fábricas
    2031 palavras | 9 páginas
  • O maquinismo na indústria têxtil
    1533 palavras | 7 páginas
  • Empreendedorismo em Serrolândia: "capital das bolsas"
    2764 palavras | 12 páginas
  • Resumos esquematizado tga- maximiano
    1360 palavras | 6 páginas
  • ciclo pdca
    1430 palavras | 6 páginas
  • 12916591953
    2763 palavras | 12 páginas
  • Os benefícios da implantação do pcmso
    1703 palavras | 7 páginas
  • Resenha crítica com base na leitura dos textos de émile durkheim e o filme tempos modernos
    1748 palavras | 7 páginas