O pensamento de Vygotsky e Bakhtin no Brasil

1559 palavras 7 páginas
FREITAS, Maria teresa de Assunção, O pensamento de Vygotsky e Bakhtin no Brasil.2ª Ed. Campinas (SP): Papirus, 1994. (Coleção magistério, formação e trabalho pedagógico)

O livro é baseado na tese de doutorado da autora que a partir da narrativa de professores de universidades brasileiras sobre a mudança de paradigmas no contato e conhecimento das ideias de Vygotsky e Bakhtin no meio acadêmico.

Apesar do título do livro trazer Vygotsky e Bakhtin este último não é muito abordado pelas narrativas que a autora buscou na fala dos professores universitários e é ela que faz incursões pela teoria bakthiniana estabelecendo relações e diálogos.

PÁGINA 23

Para Bakhtin (1985), quando uma resposta não dá origem a uma nova pergunta, o
…exibir mais conteúdo…
Recebe sugestões de como fazer, mas não sabe por que está fazendo. Para ele não há discussão por que construtivismo, por que sócio-histórico.

Vygotsky é uma leitura difícil para professores primários. Alguns se entusiasmam, mas há dúvida e desconfiança da maior parte porque estão ainda sedimentando Piaget e Emília Ferreiro. Uma nova teoria desestabiliza, mas depois que a coisa começa a fluir na prática, aí eles gostam e se interessam.

PÁGINA 68

Os modismos acabam refletindo uma necessidade, uma carência, um vazio, uma falta. Algo se torna moda ao representar possibilidade de esclarecer as questões que se colocam.

(...) se levar em consideração que toda formação que se tem baseia-se numa compreensão de homem que serve a um determinado tipo de sociedade; no nosso caso, à sociedade capitalista. Por isso as teorias dominantes e mais divulgadas são exatamente aquelas cuja visão de homem coincide com o tipo de sociedade que se tem

PÁGINA 70 (Narrativa)

(...) Para entrar no pensamento dos autores é preciso estar disposto a realizar um despojamento em relação ao que se pensava, e nem todo mundo está disposto a isso, a questionar as suas verdades. Para trabalhar com estes autores é preciso ter uma postura frente ao mundo indagadora, questionadora, de não ter medo de enfrentar o novo. Até estes autores se constituírem em história nossa, leva tempo.

PÁGINA 74 (Narrativa)

(...) Diante dessa heterogeneidade evidente que temos no Brasil,

Relacionados

  • Natureza dos fenómenos psíquicos
    6430 palavras | 26 páginas
  • Vigotsky e a mediação pedagógica resenha
    8839 palavras | 36 páginas
  • Meio ambiente em ciências: relato de uma sequencia didática
    4112 palavras | 17 páginas
  • Metodologia de Ensino Ingles
    5778 palavras | 24 páginas
  • Vygotsky
    2978 palavras | 12 páginas
  • Psicologia social
    5364 palavras | 22 páginas
  • : Psicogênese da linguagem oral e escrita
    10816 palavras | 44 páginas
  • Relatório de estágio supervisionado em ensino fundamental
    3863 palavras | 16 páginas
  • Entre o plágio e a autoria qual o papel da universidade
    8529 palavras | 35 páginas
  • A alfabetização/letramento de crianças surdas: a importância do professor bilíngue
    6777 palavras | 28 páginas