O que leva os investidores a terem aversão ao risco

1637 palavras 7 páginas
Introdução

Esta atividade visa discorrer os motivos que levam os investidores a terem aversão ao risco.

Aversão ao risco é um conceito em psicologia, economia e finanças, com base no comportamento humano (especialmente dos consumidores e investidores) quando expostos a incerteza.

Aversão ao risco é a relutância de uma pessoa para aceitar um negócio com um retorno incerto, em vez de outro negócio com um retorno esperado mais certo, mas possivelmente menor. Por exemplo, um investidor avesso ao risco pode optar por colocar seu dinheiro numa conta bancária com uma taxa de juros baixa mas garantida, em vez de optar por ações que podem ter retornos elevados, mas também tem uma probabilidade de peder o seu valor.

Fora dos campos mais matemáticos da economia e das finanças, as pessoas precisam fazer escolhas sobre como eles devem agir frente aos riscos do dia a dia. Alguns são mais cautelosos, preferindo minimizar riscos, mesmo quando o benefício potencial de uma escolha é grande.

Motivos que levam os investidores a terem aversão ao risco

Cálculo de risco pode ser definido como a tentativa de se medir o grau de incerteza na obtenção do retorno esperado em uma determinada aplicação financeira ou investimento realizado. Dessa forma, os investimentos podem ser classificados como de baixo, médio e alto risco. Geralmente, investimentos de baixo risco apresentam um maior nível de segurança ao investidor, mas em contrapartida costumam ter um retorno menor. Investimentos

Relacionados

  • Alm e estratégias para fundos de pensão
    4997 palavras | 20 páginas
  • A regulação bancária e a ação dos bancos centrais na crise financeira
    18783 palavras | 76 páginas
  • Legalização da maconha avanço ou retrocesso
    18631 palavras | 75 páginas