O riso como denúncia social

8219 palavras 33 páginas
O RISO COMO DENÚNCIA SOCIAL
Neusa Anklam Sthiel
RESUMO: O humor está presente no dia-a-dia da humanidade, mas nem tudo é objeto de riso. O homem ri do que não é comum e habitual, de situações constrangedoras com as quais não se envolve afetivamente, do que foge dos padrões e das falhas humanas. A incidência do humor em textos que circulam no meio escolar é notável. Assim, o objetivo deste estudo é analisar a ocorrência do riso em obras literárias voltadas para o público juvenil, mais especificamente em crônicas de Luis Fernando Veríssimo. Como fonte teórica, a análise pautou-se, principalmente, nas obras: O riso: ensaio sobre a significação do cômico, de Henri
Bérgson, e A cultura popular na Idade Média e no Renascimento: o contexto de
François Rabelais, de Mikhail Bakhtin. Para efeitos de análise, foram selecionados quatro textos, a saber: O nariz, Lixo, A descoberta, Atitude suspeita.

PALAVRAS-CHAVE: Riso. Crônica. Luís Fernando Veríssimo.

ABSTRACT: The humor is present in the daily life of mankind, but not everything is a laughter subject. The man laughs at what is not usual and habitual, at constraint situations with which he does not engage effectively, at what flees the patterns and at human errors. The incidence of humor in texts that circulate in schools environments is highlighted. Thus, the objective of this study is to analyze the occurrence of laughter in literary works dedicated to a young audience, particularly in chronicles by
Luis

Relacionados

  • Análise do filme milton santos: o mundo global visto do lado de cá
    1451 palavras | 6 páginas
  • A educação na idade moderna
    826 palavras | 4 páginas
  • CPMG PXT
    1291 palavras | 6 páginas
  • Cesário verde
    1448 palavras | 6 páginas
  • O noviço
    3693 palavras | 15 páginas
  • A sociologia e “sociologia” do senso comum
    5139 palavras | 21 páginas
  • Literatura: escolas literárias
    4101 palavras | 17 páginas
  • Historia 12º unidade 3
    3905 palavras | 16 páginas
  • Exploração do trabalho infantil
    5510 palavras | 23 páginas
  • A importância do produtor jornalístico
    17737 palavras | 71 páginas