O tratamento de transtorno da personalidade borderline: uma perspectiva cognitivo-comportamental e analítico-comportamental

18504 palavras 75 páginas
PARADIGMA NÚCLEO DE ANÁLISE DO COMPORTAMENTO Curso de Especialização em Clínica Analítico-Comportamental

O tratamento de Transtorno da Personalidade Borderline: uma perspectiva Cognitivo-Comportamental e Analítico-Comportamental

ADRIANA KALIL LILIAN BOARATI

SÃO PAULO 2008

4

ADRIANA KALIL LILIAN BOARATI

O tratamento de Transtorno da Personalidade Borderline: uma perspectiva Cognitivo-Comportamental e Analítico-Comportamental

Trabalho de Conclusão de Curso de Especialização em Clínica AnalíticoComportamental pelo Paradigma – Núcleo de Análise do Comportamento sob orientação do Prof. Ms. Nicodemos Batista Borges

SÃO PAULO 2008

5

SUMÁRIO RESUMO
…exibir mais conteúdo…
Key words: Therapeutic approaches, Analytical-behavior, Cognitive-Behavior, Trouble, Borderline personality, Relationship Therapy

8

APRESENTAÇÃO

Este foi um trabalho de Monografia, para o curso de pós-graduação de Especialização em Clínica Analítico-Comportamental, e tem por objetivo apresenta uma discussão dos tratamentos Cognitivo-Comportamental e Analítico-Comportamental do Transtorno de Personalidade

Borderline, ressaltando a importância da Relação Terapêutica como um instrumento importante de intervenção clínica, nesses casos. O trabalho teve esse objetivo devido à experiência clínica das autoras nos atendimentos a clientes com o diagnóstico de Transtorno de Personalidade Borderline (TPB). Estas experiências revelaram às autoras percepções dos padrões de comportamentos deste transtorno como um fator de dificuldade para o tratamento psicoterapêutico. Desta forma, as autoras se propuseram a conhecer as especificidades das abordagens Analítico-Comportamental e CognitivoComportamental, no tratamento clínico terapêutico dos clientes com esse diagnóstico e a investigar a importância da Relação Terapêutica no processo terapêutico com estes clientes. Para tanto, as autoras investigaram na literatura de ambas abordagens (AnalíticoComportamental e Cogntivo-Comportamental) trabalhos científicos que pudessem descrever as diferenças e semelhanças, conceitual e prática, entre estas abordagens no tratamento clínico terapêutico de

Relacionados