Origem da Alma - Teoria do Criacionismo

879 palavras 4 páginas
A origem da alma Teoria do Criacionismo O que defende A teoria do criacionismo sustenta que Deus cria uma nova alma por ocasio do nascimento de cada indivduo. Deste modo, cada alma individual deve ser considerada como uma imediata criao de Deus, devendo a sua origem a um ato criador direto. A alma , supostamente, uma criatura pura, mas unida a um corpo depravado. No significa necessariamente que a alma criada primeiro, separadamente do corpo, corrompendo-se depois pelo contato com o corpo, o que pareceria pressupor que o pecado algo somente fsico. Principais defensores Os catlicos romanos e muitos telogos reformados defendem o criacionismo. Alguns telogos que defendem tal posio so Ambrsio, Anselmo, Toms de Aquino, Calvino, Berkhof, Hodge, Jernimo, Pelgio. Os dois ltimos so smbolos de uma gerao antiga de pensadores cristos, que influenciados pelos pensamentos de Aristteles, chegaram a concluso que Deus criou imediatamente a alma de cada ser humano e a uniu a um corpo, na concepo, no nascimento, ou em algum momento entre esses dois eventos. Hodge e Berkhof tem pensamento semelhante ao demonstrado acima. Sobre isso Berkhof afirma que cada alma individualmente deve ser considerada como uma imediata criao de Deus, devendo sua origem a um ato criador direto, cuja ocasio no se pode determinar com preciso. Charles Hodge defendia que Deus criou a alma no momento da concepo ou do nascimento e imediatamente a une ao corpo. A alma pecadora, mas no porque a criao

Relacionados

  • Teoria da colagem do compensado
    3660 palavras | 15 páginas
  • Origem da teoria dos sistemas no campo da administração
    2282 palavras | 10 páginas
  • Teorias da Origem do Estado
    2370 palavras | 10 páginas
  • Resenha do conto Procissão das Almas
    809 palavras | 4 páginas
  • A teoria dos atos da fala
    864 palavras | 4 páginas
  • a origem da historia dos tres porquinhos
    476 palavras | 2 páginas
  • Teoria da acumulação e teoria do conglobamento
    1027 palavras | 5 páginas
  • 10 MITOS EM TORNO DO CRIACIONISMO
    4153 palavras | 17 páginas