PATOLOGIA

1750 palavras 8 páginas
Patologias de Fundação

Bruno Valadares, Francine Henriques, João Pedro Braga, Júlia Barroso, Mariana Botelho, Mateus Alves, Melina Borchio.

Professor Paulo Henrique Maciel Barbosa
Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – Unidade Barreiro
Graduação em Engenharia Civil

INTRODUÇÃO

Antes de iniciarmos uma construção, necessário se faz fazer um estudo detalhado do tipo de solo do local para que seja feita a escolha da fundação correta, vez que, caso contrário, poderia prejudicar sobremaneira a efetivação da construção, seja por danos que posteriormente poderiam ocorrer, seja por gastos desnecessários. Importante destacar que, um dos principais problemas que podem ocorrer com as fundações são os recalques, razão pela qual devem ser minuciosamente estudados antes de se iniciar uma construção, a fim de que não causem problemas depois que a obra já estiver pronta. Caso este cuidado não seja observado, o custo para reparar posteriormente o erro depois que a obra estiver acabada é bem maior. No que se refere às fundações, podem ser de dois tipos: fundações rasas ou profundas. A escolha entre uma delas vai depender do tipo de solo, bem como da dimensão da construção a ser feita. Cada fundação tem sua característica; são diferentes tanto na forma de se fazer quanto o lado econômico. Neste trabalho, apresentaremos, brevemente, os tipos de fundações e principalmente com enfoque nos recalques, quais são seus tipos,

Relacionados

  • TRABALHO PATOLOGIAS
    1346 palavras | 6 páginas
  • Patologia
    906 palavras | 4 páginas
  • Patologia revestimentos
    4092 palavras | 17 páginas
  • Patologia
    8004 palavras | 33 páginas
  • Patologia
    3527 palavras | 15 páginas
  • Patologia
    924 palavras | 4 páginas
  • Patologias cerâmicas
    1023 palavras | 5 páginas
  • Patologias organizacionais
    1555 palavras | 7 páginas
  • Patologia
    1602 palavras | 7 páginas