PERIODO COLONIAL E IMPERIAL NO BRASIL

2430 palavras 10 páginas
UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARIANA
EVANDRO ESMERALDINO

HISTORIA DA ARQUITETURA NO BRASIL
PERIODO COLONIAL E IMPERIAL

Tubarão
2013
EVANDRO ESMERALDINO

HISTORIA DA ARQUITETURA NO BRASIL
PERIODO COLONIAL E IMPERIAL

Trabalho apresentado à disciplina historia teoria critica da arquitetura, do Curso de Arquitetura e Urbanismo, da Unisul, como requisito parcial à obtenção da aprovação na disciplina.

Orientador: Arq. Ana Paula Cittadin

Tubarão
2013
SUMÁRIO
1 INTRODUÇÃO....................................................................................................................03
2 ARGUMENTAÇÃO TEORICA 04
…exibir mais conteúdo…
A ausência de equipamentos adequados nos centros urbanos quer para o fornecimento de água, quer para o serviço de esgoto e mesmo, a deficiência do abastecimento, eram situações que pressupunham a existência de escravos no meio doméstico. Os principais tipos de habitação eram o sobrado e a casa térrea. Suas diferenças fundamentais consistiam no tipo de piso: assoalho no sobrado e de “chão batido” na casa térrea. Definiam-se com isso as relações entre os tipos de habitação e os estratos sociais: habitar um sobrado significava riqueza e habitar casa de “chão batido” caracterizava a pobreza. Por essa razão os pavimentos térreos dos sobrados, quando não eram utilizados como lojas, deixavam-se para acomodação dos escravos e animais, ou ficavam quase vazios, mas não eram utilizados pelas famílias dos proprietários.
Outro tipo característico de habitação do período colonial era a chácara. Situando-se na periferia dos centros urbanos, as chácaras conseguiam reunir as vantagens dessa situação as facilidades de abastecimento e dos serviços das casas rurais. Solução preferida pelas famílias abastadas, ainda no Império e mesmo na República. O principal problema que solucionava era o do abastecimento, soluções satisfatórias eram, porém conseguidas somente nas chácaras, as quais, aliavam, a tais vantagens, as da presença de cursos d’água, substitutos eficientes para os equipamentos

Relacionados

  • historia da educação
    1371 palavras | 6 páginas
  • Modelo econômico primário exportador 1500 - 1930
    6183 palavras | 25 páginas
  • A abolição dos escravos e o advento da república
    977 palavras | 4 páginas
  • Exercicio de história do direito brasileiro
    3323 palavras | 14 páginas
  • Formação da sociedade brasileira, sofreu e vem sofrendo transformações ao longo dos últimos cinco séculos, pois , ela não foi fruto apenas dos grandes descobrimentos, mas resultou sim da descoberta decisiva, para a
    3354 palavras | 14 páginas
  • O escravo ante a lei civil e a lei penal
    2237 palavras | 9 páginas
  • “A melancolia de Ulisses: A dialética do Iluminismo e o canto das sereias” (Olgária Matos)
    2391 palavras | 10 páginas
  • A evolução histórica da liberdade religiosa
    2941 palavras | 12 páginas