PPDA Area das linguagens

1420 palavras 6 páginas
HISTÓRICO

Considerando a formação histórica do Brasil, verifica-se que as diferenças raciais traduziram-se em desigualdade de direitos e papéis sociais, no qual o fenótipo branco quase sempre representou o papel de comando enquanto o negro representava o de subordinado. É difícil olhar o presente sem considerar aspectos passados, já que o processo histórico é imprescindível para a visão crítica da atualidade. Dessa forma, foi elaborada uma breve contextualização sobre a trajetória do negro no Brasil, onde serão apresentados alguns fatores históricos que permitem perceber um pouco da realidade da população negra brasileira.
Presume-se que os
…exibir mais conteúdo…
219).
A história do negro no Brasil foi tratada com desdém e transmitida de maneira inferior e desvalorizada, principalmente em relação à sua resistência. Há muito para não dizer até hoje, acreditava-se que o negro escravizado sofreu de maneira passiva ao tratamento desumano praticado pelos escravizadores. Segundo Kabengele
Munanga, essa visão equivocada tem efeitos não só na autoestima, mas também na identidade dos negros, pois são taxados como indolentes, preguiçosos e conformistas diante da escravidão.
A história do negro no Brasil não significou passividade nem apatia, mas sim, luta e organização, pois, diante dos limites impostos ao africano escravizado, os esforços na luta pela liberdade manifestavam coragem e a indignação diante da escravidão e não a passividade. Esse processo de luta e indignação pode ser definido por resistência negra. A insubmissão às regras do trabalho nas plantações, os movimentos de ocupação de terras, as revoltas, as fugas, os assassinatos de senhores, foram algumas das estratégias usadas pelos negros contra o sistema escravista
(MUNANGA e GOMES, 2006, p. 26).
As reações coletivas são as que mais se destacam na repulsa à escravidão no Brasil. Durante toda a existência do regime escravista, os escravizados lutaram, organizando-se de diferentes modos, com os Quilombos
2
, as insurreições e as guerrilhas. Podemos dizer que a escravidão sempre foi acompanhada de

Relacionados