Palácio do Lavrado

1048 palavras 5 páginas
Palácio do Lavrado O edifício em estudo situa-se no Vale de Chelas entre a mata da Madre de Deus e o Cemitério do Alto de São João, rente à Estrada de Chelas com os números 113-127. Atualmente pertence à freguesia da Penha de França tendo pertencido anteriormente à freguesia de Santa Engrácia e à freguesia do Beato. A construção iniciou-se na segunda metade do século XVIII. Depois da análise do brasão pensa-se que a quinta terá pertencido aos condes de Vimioso e por isso é também conhecida como Quinta dos Vimiosos. Contudo, pouco se sabe sobre a história da propriedade a que este edifício esteve ligada, sendo que os registos existentes se referem essencialmente ao século XX. O primeiro registo encontrado faz referência ao proprietário – Joaquim Marques da Silva – em 1898. Sabe-se que até ao ano de 1987, ano em que foi adquirido pela Câmara Municipal de Lisboa por auto de posse, o edifício terá sempre pertencido à família do referido proprietário. Consta nos registos que até ao ano de 1938 foram realizadas algumas obras de reparação e beneficiação geral, que em pouco modificaram a sua geometria/volumetria mas que em muito beneficiaram a sua fachada setecentista. Mais tarde, em meados do século XX, o palácio foi ocupado como vila habitacional por cerca de 30 famílias (aproximadamente 80 pessoas) de poucos recursos. Este facto contribuiu para a sua rápida degradação e nos anos 80, os habitantes dos 30 fogos tiveram que ser realojados por falta de condições de

Relacionados

  • Museu do louvre
    2549 palavras | 11 páginas
  • ILUSTRISSIMO SENHOR PRESIDENTE DA JARI DO DETRAN DO ESTADO DO
    771 palavras | 4 páginas
  • Praça do capitolio
    1181 palavras | 5 páginas
  • Como e do que se defender quando se recebe uma notificação
    2695 palavras | 11 páginas
  • A cultura do mosteiro
    4903 palavras | 20 páginas
  • PETIÇÃO DE PEDIDO DE TRANSCRIÇÃO (TRASLADO) DE REGISTRO DE CASAMENTO LAVRADO NO EXTERIOR C/C PEDIDO DE AVERBAÇÃO DO ÓBITO DO CONJUGE VARÃO.
    1069 palavras | 5 páginas
  • palacio do congresso nacional
    7650 palavras | 31 páginas
  • Atenas no palácio de Teseu
    3003 palavras | 12 páginas
  • PALÁCIO BERNARDINO MONTEIRO: A SALVAGUARDA DA MEMÓRIA DO MUNICÍPIO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM
    5233 palavras | 21 páginas
  • recurso de multa do ART 165 do CTB
    1348 palavras | 6 páginas