Peça teatral

1962 palavras 8 páginas
Teatro Riscos da Automedicação – Crislaine
Personagens: Patroa ; Empregada: Crislaine; Farmacêutico, Amiga de Crislaine: Clotilde.
Crislaine está lavando roupa na casa de sua patroa, cantando:
- lava roupa todo dia, que alegria. ,
A patroa aparece, com roupão e cara de sono e diz:
- Bom dia Crislaine.
Crislaine: - Bom dia que nada, já são três horas da tarde, eu trabalhando desde cedo e a senhora dormindo até agora.
Patroa: - Pois é, nem percebi que já estava tão tarde. Mas como vão seus filhos?
Crislaine: Ah, estão bem, trouxe até uma foto das crianças. (foto com muitas crianças é mostrada para os que estão assistindo a peça).
Patroa: - Tudo isso?
Crislaine: - Pois é, são 12 filhos. O meu problema é que o Reginaldo, meu marido, não me dá folga.
Patroa: Mas você nunca ouviu falar em pípula.
Crislaine: - Não senhora
Patroa: - Eu uso uma que é muito boa, viu só, eu não tenho nenhum filho.
Crislaine: - Bem, então me passe o nome dessa tal pílula pra eu poder ir lá na farmácia comprar, eu vou bem rapidinho, já estou quase acabando de lavar a roupa mesmo.
Patroa: - Tá bom, mas olhe, são dois minutinhos senão o serviço vai atrasar. Tome aqui o nome do remédio.
Crislaine: - Então tá, vou bem rapidinho.
Na farmácia:
Farmacêutico: Bom dia, o que a senhora desejaria?
Crislaine: - Eu vim comprar uma tal de pílula, ( e olhando para o papel dado por sua patroa diz:) É , antigravidex.
Farmacêutico: - Bem, nós temos o antigravidex e o

Relacionados

  • Peça teatral inclusiva
    1259 palavras | 5 páginas
  • Peça Teatral sobre drogas
    954 palavras | 4 páginas
  • A moreninha peça teatral
    1619 palavras | 7 páginas
  • Peça teatral "Negro no Esporte"
    827 palavras | 4 páginas
  • Peça Teatral - O Pequeno Príncipe
    1181 palavras | 5 páginas
  • Peça teatral - adaptação do mito da caverna
    1712 palavras | 7 páginas
  • Relatório de observação de peça teatral
    1020 palavras | 5 páginas