Peroxissomos

1816 palavras 8 páginas
PEROXISSOMOS

DESCOBERTA
Com base em evidências bioquímicas e na capacidade da catalase consumir o peróxido de hidrogênio gerado por oxidase, De Duve, em 1965, propôs o nome “peroxissomos” , para a organela descoberta, por ser um local de síntese do peróxido de hidrogênio (H2O2).

DEFINIÇÂO O Peroxissomo é uma estrutura esférica constituída por uma matriz finamente granular envolvida por uma única membrana que contêm enzimas envolvidas em uma grande variedade de reações metabólicas. Ocorre em quase todas as células eucariontes. O número de peroxissomos por célula, assim como o tamanho e forma pode variar de acordo com diferentes tipos celulares. No homem, os peroxissomos são particularmente abundantes no fígado e no rim e em menor número e tamanho nos fibroplastos e no cérebro. Embora os peroxissomos sejam morfologicamente similares aos lisossomos, eles são montados como as mitocôndrias e cloroplastos por autorreplicação. Se diferem das mitocôndrias e cloroplastos, porque estão envolvidos em um a única membrana e não possuem DNA ou ribossomos. Existem muito tipos de peroxissomos, de acordo com as enzimas ou conjunto de enzimas no seu interior, e cada tipo celular contém um determinado tipo particular de enzimas. As mais comuns: catalase, D-aminoácido oxidase e urato oxidase. Em células com grande atividade peroxissomal, a grande concentração de enzimas, acarreta na formação de um núcleo cristalóide (visível ao microscópio eletrônico). São organelas

Relacionados

  • Peroxissomos
    844 palavras | 4 páginas
  • Biologia celular.
    755 palavras | 4 páginas
  • Estudo dirigido de Citologia
    2728 palavras | 11 páginas
  • Óleo de Lorenzo
    945 palavras | 4 páginas
  • Sistema de endomembranas
    2282 palavras | 10 páginas
  • citologia
    5221 palavras | 21 páginas
  • Lisossomos e peroxissomos
    1391 palavras | 6 páginas
  • Peroxissomos:
    1237 palavras | 5 páginas
  • Atividade da catalase
    1533 palavras | 7 páginas
  • Resumo do livro revoluçao dos bichos
    4282 palavras | 18 páginas