Pirâmide das classes sociais - chocolate

1588 palavras 7 páginas
Sociologia Básica

“Pirâmide das Classes Sociais - Chocolate”

O Brasil é o 5ª maior produtor de chocolate no mundo. Cada dia que passa o mercado mundial esta mais exigente, assim os produtos lançados devem ser criativos, de qualidade.

O chocolate é considerado medicinal tendo diversas aplicabilidades como ganho peso, estimula no sistema nervoso.

A pesquisa do Ibope 2009 relata que a penetração do chocolate é alta em todas as classes sociais destacando as classes A e B com 71% dos consumidores e se intensifica no consumo apresentado pelo publico feminino 72% das mulheres consomem chocolate regularmente mais de uma vez por semana, representa 55 % dos admiradores chocolate e a pesquisa aponta 68% da população brasileira consome chocolate frequentemente mais de uma vez por mês.

A classe A e B no Brasil tem uma estimativa que entre 500 mil e 800 mil pessoas tem acesso ao mercado de luxo, movimentam 2,2 a 2,5 bilhões. O crescimento potencial de consumo de chocolate é predominante na região sudeste concentrado na cidade de São Paulo e Rio de Janeiro.

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), baseado no numero de salários para cinco faixas de rendas e classes sociais em 2012, considerando o salário mínimo de R$ 622,00.

CLASSE SOCIAL | SALÁRIO MINIMO (sm) | RENDA FAMILIAR | A | Acima de 20 (sm) | R$ 12.440 ou mais | B | 10 a 20 (sm) | R$ 6.220 a R$ 12.440 | C | 4 a 10 (sm) | R$ 2.488 a R$ 6.220 | D | 2 a 4 (sm) | R$ 1.244 a R$

Relacionados