Povos barbaros

2585 palavras 11 páginas
A formação dos reinos Bárbaros ou Germânicos

Os romanos denominavam “bárbaros” todos os povos que não pertenciam à civilização greco-romana, ou seja, que não tinham a sua cultura, não falavam o latim e viviam fora de suas fronteiras. Na verdade, usa-se o adjetivo germânico para designar todas as diferentes tribos ou povos (conhecidos como bárbaros) que, dominados ou detidos em seus avanços, pelos romanos, povoaram ou percorreram diversas regiões da Europa na Antiguidade. Vindos da Europa do Norte e Ocidental, de diferentes origens e cultura, receberam nomes, como ostrogodos, visigodos, vândalos, burgúndios, alamanos, jutos, saxões e outros.
Esses povos não construíam Estados organizados, nem mesmo cidades. O crescimento demográfico
…exibir mais conteúdo…
Carlos magno apesar de ser analfabeto estimulou a expansão das atividades culturais. Abriu em seu próprio palácio uma escola conhecida como Escola Palatina, a qual era freqüentada por todos sem distinção. Estimulou os clérigos a tornarem-se professores e pressionava a Igreja Católica a abrir escolas nas Catedrais, nos Mosteiros e até nas paróquias rurais. Era o império Carolíngio.

A crise no sistema feudal e as cruzadas

Durante os séculos XI e XV, a cultura medieval atingiu o seu apogeu. Neste período a sociedade feudal passou por grandes modificações:

* A produção feudal destinada a subsistência foi substituída pela produção destinada ao comércio. * A compra e a venda de mercadorias reativou a circulação monetárias. * Os comerciantes ampliaram e diversificaram cada vez mais suas atividades o que lhes rendeu grandes lucros.

O renascimento comercial aconteceu juntamente com o crescimento das cidades provocando muitas mudanças, principalmente o enfraquecimento do sistema feudal. Aos poucos foi se definindo um novo sistema econômico o capitalismo.
No sistema feudal, a produção agrária estava sujeita a acidentes naturais, como secas e enchentes, as guerras e pestes( doenças),que sempre provocavam

Relacionados

  • Evolução das artes visuais i
    2323 palavras | 10 páginas
  • Resumo- : as invasões bárbaras
    2745 palavras | 11 páginas
  • caso c
    1575 palavras | 7 páginas
  • Resumo a civilização do ocidente medieval
    1779 palavras | 8 páginas
  • Civilização Romana,Francos e Feudalismo
    2005 palavras | 9 páginas
  • Formação do feudalismo
    1218 palavras | 5 páginas
  • Os godos e suas origens
    1119 palavras | 5 páginas
  • O processo de desestruturação do imperio romano
    1806 palavras | 8 páginas
  • Resumo "O Mito das Nações"
    965 palavras | 4 páginas
  • Resumo-síntese do livro de banniard, michel. a alta idade média ocidental. lisboa: europa-américa. 1985.
    1945 palavras | 8 páginas