Primeira e segunda lei de newton

1182 palavras 5 páginas
Introdução

Durante séculos, o estudo do movimento e suas causas tornou-se o tema central da filosofia natural. Entretanto, somente na época de Galileu e Newton foi realizado extraordinário progresso na solução do mesmo.
O inglês Isaac Newton (1642-1727), nascido no natal do ano da morte de Galileu, foi o principal arquiteto da Mecânica clássica. Ele conseguiu sintetizar as idéias de Galileu e de outros que o precederam, reunindo-as em três leis, publicadas pela primeira vez em 1686, no livro Principia Mathematica Philosophiae Naturalis.Para que possamos entender a essência de tais leis, necessitamos antes apresentar algumas idéias de Galileu sobre o movimento.

Conceito de Inércia
Antes de Galileu, a maioria dos pensadores acreditava que um corpo em movimento encontraria-se num estado forçado, enquanto que o repouso seria o seu estado natural.

A experiência diária parece confirmar essa afirmativa. Quando depositamos um livro sobre uma mesa é fácil constatar seu estado natural de repouso. Se colocarmos o livro em movimento, dando-lhe apenas um rápido empurrão, notamos que ele não irá se mover indefinidamente: o livro deslizará sobre a mesa até parar. Ou seja, é fácil observar que cessada a força de empurrão da mão, o livro retorna ao seu estado natural de repouso. Logo, para que o livro mantenha-se em movimento retilíneo uniforme é necessária a ação contínua de uma força de empurrão.
Galileu, entretanto, foi contra essa idéia de movimento ser um estado

Relacionados

  • primeira lei de newton
    2124 palavras | 9 páginas
  • As 3 leis de newton
    1813 palavras | 8 páginas
  • Circuitos de primeira e segunda ordem
    2293 palavras | 10 páginas
  • Queda livre e leis de newton
    1667 palavras | 7 páginas
  • Leis de newton
    1163 palavras | 5 páginas
  • terceira lei de newton
    1601 palavras | 7 páginas
  • LEIS DE KEPLER E GRAVITAÇÃO DE NEWTON
    1995 palavras | 8 páginas
  • Leis de Newton
    4350 palavras | 18 páginas