Princípios da Falência

890 palavras 4 páginas
PRINCÍPIOS DA FALÊNCIA
Para a compreensão correta da Lei Falimentar, é indispensável buscar seus valores através da intenção do legislador, que se concretiza nos princípios orientadores da legislação. A doutrina certamente faz seu papel na interpretação da norma, procurando nas entrelinhas da lei os seus princípios.
Assim, André Luiz Santa Cruz Ramos, autor de Direito Empresarial Esquematizado, extrai dois princípios da análise do artigo 75 da Lei 11.101/2005. São os princípios da preservação da empresa e da maximização dos ativos. Preconiza o artigo em comento, in verbis:
“Art. 75. A falência, ao promover o afastamento do devedor de suas atividades, visa a preservar e otimizar a utilização produtiva dos bens, ativos e recursos produtivos, inclusive os intangíveis, da empresa.
Parágrafo único. O processo de falência atenderá aos princípios da celeridade e da economia processual.”O autor sustenta que:
“o objetivo primordial do processo falimentar, segundo o dispositivo ora em análise, é ‘promover o afastamento do devedor de suas atividades’ visando a ‘preservar e otimizar a utilização produtiva dos bens, ativos e recursos produtivos, inclusive os inatingíveis, da empresa’. Aqui se destacam dois importantes princípios do Direito Falimentar moderno: (i) o princípio da preservação da empresa e (ii) o princípio da maximização dos ativos.”
O princípio da preservação da empresa prospera ainda que seja declarada a falência do empresário (devedor), isto é, a empresa –

Relacionados

  • Princípios da mediação
    848 palavras | 4 páginas
  • Análise da situação decorrente da decretação da falência da empresa Valverde Empreendimentos Imobiliários Ltda.
    3334 palavras | 14 páginas
  • Principio da Simetria
    15434 palavras | 62 páginas
  • Falência da pena de prisão
    2746 palavras | 11 páginas
  • Principios da administracao
    4092 palavras | 17 páginas
  • principios fisico da ultrassom
    2199 palavras | 9 páginas
  • Princípio da Proteção Judiciária
    5404 palavras | 22 páginas
  • Principios da Contabilidade
    1825 palavras | 8 páginas
  • Principios gerais da administração
    1748 palavras | 8 páginas