Projeto de pesquisa saude ambiental

1840 palavras 8 páginas
INSTITUTO TOCANTINENSE DE
EDUCAÇÃO SUPERIOR E PESQUISA- FACULDADE ITOP

SAÚDE AMBIENTAL E FALTA DE SANEAMENTO: Uma realidade da população do setor são josé em gurupi tocantins

Palmas – TO 2011 MARILDA COELHO E SILVA BATISTA

SAÚDE AMBIENTAL E FALTA DE SANEAMENTO: Uma realidade da população do setor São José em Gurupi Tocantins

Projeto de Pesquisa apresentado como requisito da disciplina de Metodologia Científica, do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Gestão e Planejamento Ambiental, da Faculdade ITOP, orientada pela professora Zilmene Santana.

Palmas- TO 2011

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 4
1.1 Problema 5
1.2 Justificativa 6
2 OBJETIVOS 7
2.2 Objetivo geral 7
2.3 Objetivos específicos 7
3 PRESSUPOSTOS TEÓRICOS 8
4 METODOLOGIA 10
4.1 Tipo de pesquisa 10
4.2 Participantes 10
4.3 Instrumentos de coleta de dados 10
4.4 Procedimentos de coleta de dados 10
4.5 Estratégia de análise de dados 11
5 CRONOGRAMA 11
REFERÊNCIAS 12
ANEXO 01 13

1 INTRODUÇÃO

Assim como nos grandes centros urbanos no Brasil, e mesmo em outros países, Gurupi também sofre com as ocupações irregulares, geralmente caracterizadas pela pobreza e pela falta de soluções urbanísticas e de saneamento básico. A exclusão econômica e social da parcela da população trabalhadora, frente ao processo de produção do espaço urbano regulado pela lógica de mercado, tem impossibilitado o acesso de grande contingente

Relacionados

  • Tcc gestão em saúde e meio ambiente
    16729 palavras | 67 páginas
  • tcc sobre pilhas e baterias
    6003 palavras | 25 páginas
  • Saneamento Prosamim
    2648 palavras | 11 páginas
  • Educação ambiental na construção civil
    2976 palavras | 12 páginas
  • Lixo e meio ambiente
    1345 palavras | 6 páginas
  • Curso de graduação em ciências socioambientais ufmg
    6747 palavras | 27 páginas
  • Projeto Horta Escolar
    3387 palavras | 14 páginas
  • Projeto de intervenção
    1769 palavras | 8 páginas
  • Resumo das atribuições dos cargos
    4724 palavras | 19 páginas
  • IMPACTO DA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL NA SAÚDE AMBIENTAL
    1500 palavras | 7 páginas