Recalcamento, Transferência e Resistência

2044 palavras 9 páginas
Recalcamento, Transferência e Resistência

Introdução

Esse trabalho busca melhor entender as relações do recalque com a transferência, procurando esclarecer a resistência que surge dessa relação. Primeiramente se apresentará as ideias de recalque e transferência, para posteriormente discutir as implicações dessa relação na resistência para entender porque a transferência é tanto a fonte da resistência como do método de cura do paciente.

O Recalque

Freud (1915) em seu artigo sobre o recalcamento se questiona por que deve um impulso pulsional sofrer tal vicissitude (ser recalcada, tendo seu acesso negado), já que a satisfação de um impulso sempre provoca prazer. Seria necessário supor a existência de certas circunstâncias peculiares, algum processo através do qual o prazer da satisfação se transforma em desprazer: “Em consequência disso, torna-se condição para repressão que a força motora do desprazer adquira mais vigor do que o prazer obtido da satisfação.”
Freud (1915) ainda nos coloca o caráter móvel do recalque. Ele nos diz que o recalque não deve ser encarado como algo único, mas como um processo constante. Assim como a pulsão está sempre tentando invadir a consciência deve existir sempre uma força impedindo essa invasão. Logo o recalque necessita de um dispêndio constante de energia por parte do ego.
Distinguem-se três níveis nos quais esse mecanismo ocorre: o recalcamento primário; recalcamento secundário

Relacionados

  • TRANSFERÊNCIA E CONTRATRANSFERÊNCIA
    2630 palavras | 11 páginas
  • TRANSFORMAÇÕES E TRANSFERÊNCIAS DE ENERGIA
    4600 palavras | 19 páginas
  • Resistencia e resistividade elétrica
    1499 palavras | 6 páginas
  • RESISTENCIA E FLEXAO
    1359 palavras | 6 páginas
  • Recalcamento
    2302 palavras | 10 páginas
  • resistência aerodinâmica e a força de resistência do ar
    2204 palavras | 9 páginas
  • Resistencia e estabilidade
    12006 palavras | 48 páginas
  • FUNDAMENTOS DE TRANSFERENCIA DE CALOR E DE MASSA
    1013 palavras | 5 páginas
  • Resistência a mudanças e suas consequencias
    1498 palavras | 7 páginas
  • Freud, sexualidade e transferencia
    4482 palavras | 18 páginas