Reforço positivo, negativo e punição

2034 palavras 9 páginas
INTRODUÇÃO

Quando usado apropriadamente, reforço é uma das ferramentas primárias de comunicação de um líder bem-sucedido. Reforço é usado para elogiar um funcionário quando este atua bem ou para fazê-lo abandonar um comportamento indesejado.
Existem duas formas de reforço que são: o positivo e o negativo. Ambos têm como escopo ensinar e reforçar um determinado comportamento. O indivíduo aprende qual o comportamento desejável para alcançar determinado objetivo

Reforços não apenas aumentam a probabilidade de incidência no comportamento como também são utilizados para que um determinado comportamento deixe acontecer, estimulando a não-incidência deste. Outra ferramenta comportamental para diminuição de frequência de um determinado comportamento é a punição positiva, pela qual se insere algo aversivo no ambiente, ou também a punição negativa, pela qual se retira algo reforçador do ambiente, e também a extinção, que é a retirada total do estímulo ao comportamento do ambiente.

REFORÇO POSITIVO
No reforço positivo quando o comportamento desejado é alcançado um elemento de recompensa é adicionado. Para exemplificar o reforço positivo consideremos num experimento na Caixa de Skinner, onde um rato é privado de comida. Quando este puxa determinada alavanca (comportamento desejado) é disponibilizado o alimento (elemento de recompensa). Com o passar do tempo o rato ao sentir fome irá puxar a alavanca para receber o alimento. Desta forma o indivíduo exposto ao reforço positivo

Relacionados

  • Psicologia comportamental: conceitos basicos.
    4395 palavras | 18 páginas
  • Trabalho de Psicologia sobre Behaviorismo e Gestalt
    849 palavras | 4 páginas
  • Skinner, O comportamento operante
    1005 palavras | 5 páginas
  • Principais conceitos do behaviorismo
    1256 palavras | 6 páginas
  • Laboratorio marfim ou estufa de vrido
    1073 palavras | 5 páginas
  • behaviorismo
    3179 palavras | 13 páginas
  • Condicionamento do comportamento na organização
    5366 palavras | 22 páginas
  • julia
    1001 palavras | 5 páginas
  • Análise funcional do filme o príncipe das marés
    1514 palavras | 7 páginas
  • SKINNER –COMPORTAMENTO HUMANO
    5579 palavras | 23 páginas