Regionalismo

12945 palavras 52 páginas
APRESENTAÇÃO

Este trabalho visa a oferecer uma visão geral da prosa regionalista na Literatura Brasileira, surgida no Romantismo, ganhando força no Realismo e culminando com total relevância no Modernismo, após a metade do século XX. Para ilustrar a idéia e o contexto abordado neste trabalho, será feita uma análise no regionalismo de Guimarães Rosa, em seus romances, contos, em sua obra em geral. No que segue, relacionaremos esta nossa visão panorâmica com o processo de modernização da sociedade brasileira, para obtermos uma visão histórica, evolutiva e verdadeira do regionalismo dentro da literatura brasileira.

OBJETIVOS GERAIS
…exibir mais conteúdo…
Os primeiros autores do gênero não focalizavam propriamente uma região, no sentido geográfico, não visavam mostrar a vida no sertão do Nordeste, ou de São Paulo ou do Rio Grande do Sul. O Regionalismo tem uma tradição de quase 150 anos na literatura brasileira. Surgiu em meados do século 19, nas obras de José de Alencar, de Bernardo Guimarães, de Alfredo d 'Escragnole Taunay e de Franklin Távora, mas os grandes textos e obras regionalistas surgiram no século XX, retratando, não só a vida do homem sertanejo, mas denunciando seu esquecimento, ao mesmo tempo em que se elevava sua cultura, suas crenças, seu linguajar, seu modo de viver, com nomes como José Lins do Rego, Graciliano Ramos, Érico Veríssimo, Jorge Amado e Guimarães Rosa. Os autores de sertanistas são aqueles cujo foco está no sertão, por oposição à cidade e focalizam sertanejo de uma forma que vai além do indianismo ufanista do século XIX, e o tornam sta do sao homemmà cidade, denunciando seu esquecimento, ao mesmo tempo em que se elevava sua cuiltura, suas crençs, see tornamum símbolo do autêntico brasileiro; protagonista de romances de Bernardo Guimarães, Taunay e Franklin Távora, e de obras cruas e realistas como Vidas secas, de Graciliano Ramos, ou de prosas líricas e revolucionárias de Guimarães Rosa, autor que valoriza e inova a Literatura com o falar sertanejo, seu misticismo, sua história, sua cultura, sua vivência, o meio em

Relacionados

  • Novo regionalismo
    917 palavras | 4 páginas
  • Regionalismo e questões urbanas
    824 palavras | 4 páginas
  • trabalho de extensão - regionalismo centro oeste
    2765 palavras | 12 páginas
  • Da república velha ao estado novo parte a: o aprofundamento do regionalismo e a crise do modelo liberal
    4780 palavras | 20 páginas
  • Fichamento Morte e vida da região antigos paradigmas e novas perspectivas da geografia regional de Rogerio Haesbaert
    2459 palavras | 10 páginas
  • o romance de 30
    872 palavras | 4 páginas
  • Globalização
    2457 palavras | 10 páginas
  • Segunda fase do modernismo
    2616 palavras | 11 páginas
  • Analise do livro O Quinze
    2990 palavras | 12 páginas