Relações entre estado governo e mercado no seculo xx

981 palavras 4 páginas
Vilma Silva Santos Pereira
Relações entre Estado, Governo e Mercado durante o Século XX

Ao longo dos séculos diversas mudanças transformaram o cotidiano e a visão da população para com o estado. As vitórias e derrotas foram evidentes ao longo dos anos o que se fez a necessidade de criar várias nomenclaturas por diferentes moldes de estado, como o estado liberal, o neoliberal, o desenvolvimentista, o do bem-estar. Estes modelos desempenharam papéis importantes na definição de Estado e relações entre ele.
O Estado liberal espera que as coisas se modifiquem sem uma intervenção individual, ou de grupo, e ao mesmo tempo se ajustem de tal forma que as coisas se relacionem de forma natural, sem que o Estado tenha a sua intromissão direta no
…exibir mais conteúdo…
Sem embargo, os autores da filosofia econômica e comentaristas de economia que se alinham com as postulações liberais rejeitam a alcunha "neoliberal", preferindo adotar o termo liberal. Nesse sentido, pode-se afirmar que a denominação neoliberalismo é mais uma denominação elaborada pelos críticos dos pressupostos do liberalismo que uma reivindicação terminológica por parte dos precursores de sua doutrina.
Tendo explicado sumariamente os funcionamentos e as ideologias que sustentam os dois modelos estatais analisados nessa série de artigos, cabe-nos agora responder a uma pergunta: o Estado neoliberal é uma “evolução” do Estado de bem-estar social? Ou, colocando-se a dúvida em outras palavras, será que toda organização estatal baseada no modelo do Estado de bem-estar social rumará em direção a uma organização dos moldes do estado neoliberal?
Aparentemente, a tendência mundial é de negação do Estado do bem-estar social. As ações tomadas pelos governos dos Estados Unidos e do Reino Unido na década de 1980 levaram à consolidação da ideia “anti-Estado do bem-estar social”, situação na qual o importante era a máxima redução da influência do estado na economia e na sociedade. Esse modelo ganhou ainda mais força com a recuperação econômica presenciada pelos países capitalistas na década de 1980, em comparação com a década de 1970, e ainda mais na década de 1990. Dessa forma, a aparência passada era a de que os estados – principalmente os latino-americanos,

Relacionados

  • estado
    914 palavras | 4 páginas
  • GESTÃO PÚBLICA
    1383 palavras | 6 páginas
  • Geopolítica da América Central
    1920 palavras | 8 páginas
  • Sociologia da sociedade brasileira
    5643 palavras | 23 páginas
  • Geografia 3º Ano
    4347 palavras | 18 páginas
  • Estado, governo e mercado ao longo do séc. xx
    1846 palavras | 8 páginas
  • Resumo dos capítulos 2 e 3 do livro fundamentos da economia autor: manuel enriquez garcia e marco antonio sandoval de vasconcellos
    4074 palavras | 17 páginas
  • Resenhas
    1625 palavras | 7 páginas
  • Problemas econômicos fundamentais
    2668 palavras | 11 páginas
  • Anarquia O Que Os Estados Fazem Dela 1
    1505 palavras | 7 páginas