Relatorio de campo

4472 palavras 18 páginas
UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
CAMPUS CAÇAPAVA DO SUL
CURSO DE GEOLOGIA
SISTEMA TERRA

RELATÓRIO DE SAÍDA DE CAMPO À SANTA CRUZ DO SUL, SANTANA DA BOA VISTA
E MINAS DO CAMAQUÃ REALIZADA NOS DIAS 01/07/2011 E 02/07/2011

Caçapava do Sul, 04 de julho de 2011.

INTEGRANTES DO GRUPO:

Amanda Caroline Borges
Ana Paula Souza Corre
Barbara Victoria Reffatti Andrade
Bolivar Silveira Dall Agnese
Caio Jose Geoffroy Barbosa Fagundes
Caleb De Souza Ribeiro
Carolina De Lima Paiva Suarez
Cesar Augusto Siega Araujo
Everton Fabricio Viana Rezende
Guilherme Madrid Pereira
Icaro Silva Macedo
Igor Barbosa Borges
Jessica Pereira Marques
Juliano Fabris
Kelly Marques Lopes
Leticia Martins
Maiara Keller Lautert
Mariana Gomes De Andrade
Marly Aparecida Da Silva
Natassja Caroline Costa Jacuniak
Pamela Nathalia Germano Telles
Rodolfo Busolin Alves Dos Santos
Victor Hugo Vaz De Brito
Willian Lucas Bom Vieira
Yuri Fernando Parra Castilho

RESUMO:

O relatório descreve uma visita realizada aos afloramentos de rocha nas cidades de
Santa Cruz (RS), no interior de município de Santana da Boa Vista mais precisamente na localidade de Serra das Encantadas (RS) e ao distrito da cidade de Caçapava do Sul, Minas do
Camaquã (RS). Nossa saída de campo teve como objetivos principais observar os afloramentos presentes nestas regiões e consequentemente assim conhecer mais sobre os processos geológicos envolvidos na formação das rochas ao longo do tempo geológico.

Relacionados

  • Relatório de campo - Serra da Moeda
    1192 palavras | 5 páginas
  • Relatório - biologia de campo - uso do gps
    2496 palavras | 11 páginas
  • Relatório de Campo
    1418 palavras | 6 páginas
  • RELATORIO DE CAMPO DE PEDOLOGIA FINAL
    4384 palavras | 18 páginas
  • Relatório Saída de Campo
    938 palavras | 4 páginas
  • relatório de saída de campo Pelotas
    1901 palavras | 8 páginas
  • RELATÓRIO DE CAMPO MDT TOPOGRAFIA
    974 palavras | 4 páginas
  • Relatório - Topografia I - Práticas de Campo
    3778 palavras | 16 páginas