Resenha: Esboço da Psicanálise

837 palavras 4 páginas
FREUD, Sigmund. Esboço de psicanálise. Tradução: Maria Aparecida Moraes Rego. Rio de Janeiro. Imago Ed. 2001.

A obra “O esboço de psicanálise” divide-se em três seções sendo: A mente e o seu funcionamento; O trabalho prático; O rendimento teórico. Lembrando que, cada uma dessas seções contém assuntos correspondentes aos temas mencionados anteriormente, expondo saberes imprescindíveis para a construção do conhecimento do leitor. Entretanto, o autor realiza uma reunião dos princípios que compõe a psicanálise no intuito de aprofundar nos ensinamentos desse método de tratamento de psicoses e neuroses. A primeira parte desta obra inicia-se comentando sobre o aparelho psíquico. O autor enfatiza que a psicanálise realiza uma simples suposição, na qual essa pode ser concretizada por meio da reflexão filosófica. Ele ainda aponta que conhecemos duas espécies de coisas nomeadas como psique (ou vida mental) e o cérebro (ou sistema nervoso). Dessa forma, Freud ao analisar a função e organização mental do ser humano acabou percebendo que há três subsídios que exercem papeis diversificados. A esses subsídios, designou como: Id, Ego e Superego. O id ficou sendo considerado como a parte primitiva do ser humano, ao Ego a função de equilibrar os anseios pertencentes ao Id e também do Superego de maneira lógica e racional. Já o Superego, foi dado o papel de impedir a concretização dos desejos e instintos do Id. Assim, a primeira parte aborda a teoria dos instintos, mostrando o poder do

Relacionados

  • 5 Lições da psicanálise resenha
    1228 palavras | 5 páginas
  • Resenha: Para que serve a psicanálise
    4057 palavras | 17 páginas
  • Resenha do filme Freud "A invenção da Psicanalise"
    1114 palavras | 5 páginas
  • A escuta na psicanálise e a psicanálise da escuta
    4946 palavras | 20 páginas
  • resenha psicanalise
    2374 palavras | 10 páginas
  • Contribuição da Psicanálise a Administração
    1566 palavras | 7 páginas
  • Resenha Cinco lições da psicanálise
    1982 palavras | 8 páginas
  • Resenha do livro freud criador da psicanálise
    1319 palavras | 6 páginas