Resenha crítica: MATTHEWS, M. Construtivismo e o Ensino de Ciências: Uma avaliação, Caderno Catarinense de Ensino de Física, v. 17, n. 3, p. 270-294, 2000

1091 palavras 5 páginas
Universidade de Brasília – FUP, Institutos de Biologia, de Física, de Química
Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências
Mestrado Profissional em Ensino de Ciências
Professores Maria Luiza Gastal e Gerson de Sonza Mól – 1o/2014

Nome: Simone Aparecida dos Santos Silva
Matricula: AE
Tema da aula: Aprendizagem de Conceitos Científicos Construtivismo

Data da aula: 19/05/2014 Para o autor o construtivismo é uma grande influência no ensino contemporâneo de ciências. É também uma influência significativa na educação em matemática, literatura, artes, ciências sociais e religião. Opina que o construtivismo se tornou a versão de uma grande teoria unificada para a educação. Como acontece com todas as grandes teorias, ele resiste ao escrutínio neste nível mais abrangente - freqüentemente o bicho pega no detalhe. O autor esboça que artigo retoma algumas das críticas publicadas sobre a doutrina e questiona a suposta força do construtivismo: sua utilidade prática para os professores em sala de aula. O construtivismo não é só uma teoria sobre aprendizagem, ensino e filosofia da educação - embora estes temas sejam significativos. Ele é também apresentado com uma teoria da ciência. O autor declara que se há uma relação dialógica como os contrutivistas afirmam ter entre a natureza da ciência e a natureza da educação, então elas não se exaurem, entre si, o suposto alcance explanatório do construtivismo. Há uma dimensão política em grande parte das obras

Relacionados

  • A pratica de ensino
    6024 palavras | 25 páginas
  • O ensino de português para estrangeiros
    8185 palavras | 33 páginas
  • Resenha crítica dos livros ensino de lingua e vivência de linguage`m: temas em confronto e tijolo por tijolo
    3755 palavras | 16 páginas
  • A prova operatória como alternativa de avaliação do processo de ensino aprendizagem no ensino fundamental
    12478 palavras | 50 páginas
  • Pirâmide Alimentar: uma metodologia do Ensino de Ciências
    2417 palavras | 10 páginas
  • Prática de Ensino de Geográfia
    1448 palavras | 6 páginas
  • Google maps e ensino de física
    1417 palavras | 6 páginas
  • O ensino de Ciências e Biologia na contemporaneidade: uma reflexão acerca dos saberes inerentes ao fazer docente
    3248 palavras | 14 páginas