Resenha crítica – a era dos direitos de bobbio

746 palavras 4 páginas
RESENHA CRÍTICA: A era dos direitos de Bobbio – Entre a historicidade e a atemporalidade.

Ana Maria D´ávila Lopes é Mestre e Doutora em Direito Constitucional pela UFMG. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq. Membro Efetivo da Câmara de Assessoramento e Avaliação – Área Ciências Sociais – da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico – FUNCAP. Professora do Programa de Pós-Graduação em Direito da UNIFOR.
Segundo Ana Maria D’Ávila Lopes, Norberto Bobbio trouxe grande contribuição ao criar a clássica divisão dos direitos humanos em “gerações”. Os direitos pertencentes à Primeira Geração contêm os direitos fundamentais do homem, na sua luta contra os governos absolutos e arbitrários. Nos da Segunda Geração, o autor tomou, basicamente, a classe trabalhadora, considerando os direitos a ela inerentes (século XIX). A partir do século XX, uma terceira geração de direitos, que abrange a preservação do meio ambiente, consumidor, dentre outros. Por fim, Bobbio chega a tratar de uma quarta geração, que compreenderia direitos ligados à genética do indivíduo, por exemplo.
A história dos direitos percorre os precedentes do principal marco de conscientização dos direitos humanos que foi a Declaração Universal dos Direitos do Homem, assinada em Paris em 1948, depois da Segunda Grande Guerra. Logo na introdução, Ana Maria cita a contribuição de Noberto Bobbio à teoria dos direitos humanos e da democracia, já que nele concorre o domínio tanto da

Relacionados

  • Resumo: sobre os fundamentos dos direitos do homem - era dos direitos - noberto bobbio
    550 palavras | 3 páginas
  • Resenha crítica do livro - como aplicar o direito de herkenhoff
    1160 palavras | 5 páginas
  • Resenha - a era dos direitos: noberto bobbio
    1895 palavras | 8 páginas
  • resenha critica do livro a arte do direito
    5678 palavras | 23 páginas
  • Resenha critica do direito romano
    2070 palavras | 9 páginas
  • Resenha do livro “locke e o direito natural” de noberto bobbio
    1333 palavras | 6 páginas
  • Mascaro, Alysson Leandro. Lições de sociologia do direito. Resenha do capítulo “ A Sociologia do Direito contemporânea Crítica”
    2055 palavras | 9 páginas
  • Resenha Crítica - Direito Constitucional, Alexandre de Moraes
    1168 palavras | 5 páginas